Domingo de novidades no WTCC em Marrakech

RIO DE JANEIRO – Fim de semana de grandes novidades no Mundial de Carros de Turismo (WTCC), na segunda rodada dupla disputada neste domingo no circuito de rua em Marrakech, no Marrocos: nos treinos, Gabriele Tarquini conquistou a primeira pole position do modelo Honda Civic. E nas corridas, dois pilotos chegaram às suas primeiras vitórias na competição.

3939320130407201318

O dinamarquês Michael Nykjaer, que corre com um Chevrolet Cruze 1.6T da equipe sueca Nika Racing, pulou de quarto para segundo após a largada da primeira prova e pôs enorme pressão sobre Tarquini em grande parte da disputa. Até que, ironicamente, o português Tiago Monteiro, companheiro do italiano na equipe Castrol Honda, bateu num dos muros que delimitam o circuito urbano. Antes disso, contudo, Nykjaer já superara Tarquini antes da neutralização em bandeira amarela. E depois disto, o piloto da Honda não teve mais possibilidades de ultrapassar o rival.

James Nash, da Bamboo Engineering, alcançou também seu melhor resultado no WTCC. Chegou em 3º, com os campeões Yvan Muller e Rob Huff em seus calcanhares. A sexta colocação ficou com Alex MacDowall, seguido por Marc Basseng, Pepe Oriola, Tom Coronel e James Thompson, que conquistou o primeiro ponto com o modelo Granta da Lada.

Na segunda corrida do dia, o grid foi reduzido a 21 carros, com a ausência de Tiago Monteiro, com o carro danificado após a batida na primeira etapa. Dois espanhóis, Fernando Monje e Pepe Oriola, dividiram a primeira fila com a inversão dos dez mais rápidos no Q1 da véspera. Após a largada, Monje não durou nem meia volta na frente do pelotão: Oriola o ultrapassou na freada de uma chicane e pegou a ponta para não largá-la mais.

Ainda na segunda volta, enquanto Rob Huff abandonava com problemas mecânicos em seu Seat número #1, Monje aprontava ao bater no Lada Granta de James Thompson, provocando a desistência de ambos. Oriola sustentou-se bem diante da pressão dos Chevrolet da equipe RML, com Yvan Muller à frente de Tom Chilton, até a oitava volta, quando Gabriele Tarquini, no afã de defender sua posição atrás dos líderes, bateu com o Cruze do britânico Alex MacDowall, provocando mais uma entrada do Safety Car.

3939420130407210729

A corrida, tal como a primeira, acabou com duas voltas a mais que o previsto e Oriola, após a relargada, continuou firme à frente dos rivais e venceu, para se tornar o mais jovem de todos ao ganhar uma corrida do WTCC, com apenas 18 anos de idade.

Após quatro corridas, Yvan Muller disparou na liderança do campeonato entre os pilotos com 88 pontos, contra 51 dos vice-líderes Michael Nykjaer e Gabriele Tarquini. Apesar da vitória, Oriola é o 6º colocado, com 39. A próxima rodada dupla é no circuito Slovakia Ring, no último domingo de abril.

Resultado da corrida #1 em Marrakech:

1 – Michel Nykjaer (Chevrolet Cruze) – Nika – 13 voltas em 28’51″561
2 – Gabriele Tarquini (Honda Civic) – Honda Jas – 0″566
3 – James Nash (Chevrolet Cruze) – Bamboo – 1″612
4 – Yvan Muller (Chevrolet Cruze) – RML – 2″224
5 – Rob Huff (Seat Leon) – Munnich – 2″248
6 – Alex MacDowall (Chevrolet Cruze) – Bamboo – 2″476
7 – Marc Basseng (Seat Leon) – Munnich – 3″201
8 – Pepe Oriola (Seat Leon) – Tuenti – 3″565
9 – Tom Coronel (BMW 320 TC) – Roal – 5″270
10 – James Thompson (Lada Granta) – Lada – 5″881

Resultado da corrida #2:

1 – Pepe Oriola (Seat Leon) – Tuenti – 13 voltas em 28’08″751
2 – Yvan Muller (Chevrolet Cruze) – RML – 0″430
3 – Tom Chilton (Chevrolet Cruze) – RML – 0″677
4 – James Nash (Chevrolet Cruze) – Bamboo – 0″948
5 – Marc Basseng (Seat Leon) – Munnich – 1″808
6 – Tom Coronel (BMW 320 TC) – Roal – 2″028
7 – Michel Nykjaer (Chevrolet Cruze) – Nika – 2″326
8 – Franz Engstler (BMW 320 TC) – Engstler – 4″377
9 – Darryl O’Young (BMW 320 TC) – Roal – 4″889
10 – Charles Ng (BMW 320 TC) – Engstler – 6″273

Classificação do campeonato:

1. Yvan Muller – 88 pontos; 2. Michael Nykjaer e Gabriele Tarquini – 51; 4. Tom Chilton – 48; 5. James Nash – 43; 6. Pepe Oriola – 39; 7. Marc Basseng – 28; 8. Alex MacDowall – 26; 9. Rob Huff – 19; 10. Tiago Monteiro – 14; 11. Tom Coronel – 12; 12. Franz Engstler e Norbert Michelisz – 4; 14. Darryl O’Young e Stefano D’Aste – 2; 16. Fredy Barth, James Thompson e Charles Ng – 1 ponto.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s