Desaforados!

1379747_10153325271350182_1678374248_nRIO DE JANEIRO – Imagem “roubartilhada” do facebook do Ricardo Landi: o anúncio que poderia soar desaforado e que tecia loas ao massacre da Porsche nas 24h de Le Mans de 1983, com nove carros nos dez primeiros lugares. “Ninguém é perfeito”, diz a peça publicitária. Só que eles podiam se dar ao luxo de ser superiores a todo mundo. Na letrinha mais miúda, comemoravam que em 1982 fecharam as cinco primeiras posições. E lançavam o desafio para 1984: “No próximo ano, quem sabe?”

Há 30 anos, o carro #3 de Al Holbert/Vern Schuppan/Hurley Haywood, que na teoria era o mais fraco dos três inscritos pela equipe oficial Rothmans Porsche, foi quem venceu a corrida. Jacky Ickx, que tentava sua sétima conquista e fracassou, chegou em 2º, tendo Derek Bell como parceiro no #1.

A terceira posição, num carro inscrito pela Sonauto, foi de Philippe Alliot, Mario Andretti e Michael Andretti, que ainda nem tinha 20 anos de idade. Volkert Merl/Clemens Schickentanz/Mauricio de Narvaez (Sorga S. A.) chegaram em quarto e a 5ª posição foi de Rupert Keegan/Guy Edwards/John Fitzpatrick (Fitzpatrick Racing).

Em sexto, Stefan Johansson/Klaus Ludwig/Bob Wollek (Sorga S.A.), seguidos por Axel Plankenhorn/Jürgen Lässig/Desiré Wilson (Obermaier) e Jonathan Palmer/Jan Lammers/Richard Lloyd (Canon Racing).

Só aí em 9º é que veio o primeiro “não-Porsche” como a própria imagem diz: um Sauber C7-BMW guiado por Albert Naon/Tony Garcia/Diego Montoya – este último é o pai do piloto colombiano Juan Pablo Montoya. E por fim, em décimo, o nono Porsche guiado por Preston Henn/Jean-Louis Schlesser/Claude Ballot-Lena, também inscrito pela Fitzpatrick Racing.

Tempos em que a Porsche mandava e desmandava em Sarthe… não é à toa que a marca possui o maior número de vitórias na história das 24h de Le Mans.

Ainda.

Anúncios

5 respostas em “Desaforados!

    • Você reparou a parceria tecnica entre Porsche e Audi ? Mattar o que seria essa parceria entre as duas montadoras, já vi alguns carros da decada de 80 da Porsche com a inscrição Porsche – Audi acho que ano que vem o WEC vai pegar fogo com a chegada da Porsche os novos carros de Audi e Toyota.
      De todos as corridas que acontecem em Interlagos essa e a unica que não perto a etapa do WEC.

  1. Corrida mesmo foram as 24H Le Mans em 1969, Ickx ao volante do Ford GT antigo, só conseguiu bater a Ferrari faltando poucas curvas da última volta. As vitórias 123 da Audi e os 9 títulos de Tom Kristensem na corrida, correndo sózinhos sem rivais, apenas a Peugeot durante 3 anos, na minha opinião são muito menores do que os 6 triunfos do verdadeiro Mister Le Mans, Jacky Ickx, no tempo que havia competição de fato na prova.

    • São epocas diferentes e a mesma coisa que querer comparar os 5 titulos do FANGIO com os 7 do Michael ?
      Não tem como comparar não podemos negar que na categoria LMP1 os R da Audi são os carros a serem batidos, ano que vem teremos entre 4 há 6 carros contra os Audis no minimo em Le Mans, só que tem que chegar lá e levar, ano passado pós Le Mans a Toyota venceu 3 corridas, esse ano a Audi segue imbativel, não da pra negar que a dupla Joest Racing – Audi e uma das maiores equipes do mundo são 100º vitorias na LMP1 com 5 modelos diferentes do R8 ao R18 – E-etron.

      Que venha 2014 e um campeonato muito maior e melhor em termos de carros em todas as categorias que o WEC cresça de forma de consolidar como o maior e melhor campenato do mundo em termos de tecnologia e competição

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s