Hora da decisão no Japão

1379753586_1949757720

RIO DE JANEIRO – Na próxima madrugada de sábado para domingo, aqui no Brasil, teremos a decisão da temporada 2013 do Super GT nas divisões GT500 e GT300. O circuito de Twin Ring Motegi, mais uma vez, será o palco da última etapa, disputada no traçado misto com 4,801 km de extensão.

Nada menos que oito duplas ainda podem ser campeãs na classe principal, cujo campeonato, ao contrário do ano passado, ficou para ser decidido na corrida derradeira. Com 20 pontos em disputa, até a dupla formada por Juichi Wakisaka/Hiroaki Ishiura, que soma 41, pode levar o título – dependendo, claro, de uma combinação monstruosa de resultados a favor deles. Na mesma situação se encaixam João Paulo de Oliveira/Tsugio Matsuda, que poderiam estar mais próximos dos primeiros lugares se não fosse a chuva em Autopolis a tirar o carro #12 da disputa.

Com o Nissan azul do Team Calsonic Impul, a dupla nipobrasileira soma 46 pontos, doze a menos que os líderes do campeonato, Yuji Tachikawa/Kohei Hirate, que correm com um Lexus, mesmo modelo dos vice-líderes Kazuki Nakajima/James Rossiter. Duas duplas estão empatadas em 3º lugar com o mesmo número de pontos, mas Naoki Yamamoto/Fred Makowiecki venceram os 1000 km de Suzuka, prova de maior pontuação do campeonato. Koudai Tsukakoshi/Toshihiro Kaneishi perdem no desempate, pois não venceram e chegaram duas vezes em segundo.

Na GT300, a decisão é entre cinco duplas, também com a matemática favorecendo mais a umas do que outras. Nesta subclasse, é bom lembrar, houve uma etapa a mais com a presença dos carros da categoria na etapa de Fuji do Asian Le Mans Series (AsLMS) e por isso a liderança é de Hideki Mutoh/Yukhi Nakayama, com o Honda CR-Z do Team Mugen, somando 70 pontos, oito a mais que a dupla da BMW Z4 guiada por Nobuteru Taniguchi/Tetsuya Kataoka.

Duas tripulações a bordo dos Mercedes SLS AMG GT3 vêm em terceiro e quarto: Björn Wirdheim/Katsuyuki Hiranaka somam 60 pontos e Hironori Takeuchi/Takeshi Tsuchiya têm 56. Tetsuya Yamano/Kota Sasaki ocupam a quinta posição, com 55 pontos somados a bordo do Subaru BRZ.

Como se trata de uma etapa decisiva, nenhum lastro adicional será imposto aos carros de ambas as classes. A corrida do domingo também será de tiro curto, com duração de 250 km, a menor de toda a temporada em extensão.

Anúncios

2 respostas em “Hora da decisão no Japão

  1. Hora da decisao, estamos dependendo um pouco da meteorologia para ganhar esta, as Toyotas tem um pouco de vantagem em Motegi no seco, o previsto, pista chata, so de aceleracao e freiada. O nosso Honda -Dome-Weidler n.18 Makowiecky/Yamamoto esta pronto para brigar pela vitoria, mas boa sorte ao Joao Paulo no GT-R Calsonic.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s