Mundial de Endurance terá “equivalência de tecnologia” entre os LMP1; calendário sofre mais ajustes

MOTORSPORT - 6 HOURS OF SILVERSTONE WEC 2013

RIO DE JANEIRO – O Campeonato Mundial de Endurance também teve algumas definições na reunião do Conselho Mundial da FIA realizada hoje em Paris. A mais importante delas, sem dúvida, é a adoção de uma Equivalência de Tecnologia (EoT) para os carros da classe principal, a LMP1.

Foram criados dois períodos de ajuste dos parâmetros técnicos. O primeiro será transitório, de adaptação, e válido até as 24 Horas de Le Mans, em junho. Os fabricantes serão convidados a enviar dados entre dezembro deste ano e fevereiro de 2014, projetando o que serão capazes de implementar durante a corrida francesa. Após as três primeiras corridas do calendário do WEC, entra em ação o segundo período de ajuste da Equivalência de Tecnologia, onde os dados serão medidos novamente – entrando em vigor até as 24 Horas de Le Mans de 2015.

Os regulamentos esportivos serão alterados a fim de incorporar as modificações resultantes da incorporação desses novos regulamentos técnicos da LMP1. Haverá uma nova escala de sanções, a fim de introduzir penalidades que sejam aplicadas de acordo com a gravidade técnica.

Será criado também o FIA Endurance Trophy para os pilotos da divisão LMP1 que não estejam a bordo de carros de equipes não-oficiais – desde que pelo menos três carros se inscrevam para toda a temporada.

Representantes do Automobile Club de l’Ouest (ACO) e dos construtores de GT vão formar uma colaboração para harmonizar a categorização dos pilotos, tanto no WEC como nas demais GT Series.

Nessa mesma reunião do Conselho Mundial da FIA, foi ratificado o calendário do Mundial de Endurance em 2014, com um pequeno ajuste: a corrida de Austin será em 20 de setembro, um sábado. A corrida de Fuji, marcada para 12 de outubro, desta vez não colide com a Petit Le Mans do Tudor United SportsCar Championship, abrindo a chance de times do WEC participarem deste evento em Road Atlanta.

28 a 29 de março – Ensaios Oficiais (Paul Ricard)
18 a 20 de abril – 6h de Silverstone
9 a 10 de maio – 6h de Spa-Francorchamps
1º de junho – Journée Test (24 Horas de Le Mans)
14 e 15 de junho – 24h de Le Mans
29 a 31 de agosto – 6h de São Paulo
18 a 20 de setembro – 6h de Austin
10 a 12 de outubro – 6h de Fuji
31 de outubro a 1º de novembro – 6h de Xangai
13 a 15 de novembro – 6h do Bahrein

Anúncios

3 respostas em “Mundial de Endurance terá “equivalência de tecnologia” entre os LMP1; calendário sofre mais ajustes

  1. Acho que pelo menos duas provas deveriam ter 12 horas, Spa e Silvertone mas não nessas datas..

    • A diferença é que o EoT será medido pela equação entre os megajoules dos sistemas ERS (Energy Recovering System) dos protótipos híbridos e o consumo de combustível que os carros terão que alcançar por volta.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s