Oficial: Porsche LMP1 com motor 4 cilindros e DOIS motores elétricos!

Wec-PorscheLmp1-Webber-2

RIO DE JANEIRO – A revista italiana Autosprint publicou hoje nas redes sociais e em sua versão eletrônica os detalhes do projeto Porsche LMP1 para o Mundial de Endurance (WEC) em 2014, aproveitando a ocasião do primeiro teste do australiano Mark Webber para sua nova casa – uma gentileza da Red Bull, que liberou o piloto antes do fim do contrato em 31 de dezembro deste ano, para que ele pudesse ter o primeiro contato com o novo equipamento que irá conduzir.

wec_webber_porschep1_algarve_2013_4

Trajando um macacão imaculadamente branco, Webber mostrou seu entusiasmo com o novo desafio que terá pela frente. “Esse primeiro teste foi uma experiência intensa para mim. Agradeço a Red Bull por me permitir descobrir a minha nova máquina, que tem características diferentes da Fórmula 1 e poder me integrar melhor com a equipe”, avaliou.

wec_webber_porschep1_algarve_2013_2

De fato, o teste foi bastante útil para ambas as partes: Webber começou o quanto antes a aclimatação aos protótipos e aos pneus Michelin, que são – evidentemente – diferentes dos Pirelli usados na F-1. E a Porsche concluiu o desenvolvimento de seu protótipo neste ano de 2013, com resultados considerados animadores. O carro ganhou muita quilometragem desde que foi testado pela primeira vez e a tendência é que evolua ainda mais.

Porsche LMP1

Em relação ao carro, que continua testando com camuflagem, a Porsche confirmou os primeiros detalhes da parte mecânica: o propulsor é mesmo um 4 cilindros, sem que os alemães revelem a arquitetura – por enquanto. Os colegas italianos imaginam que seja um V4, com cilindrada entre 1.800cc e 2.000cc de deslocamento. No raciocínio deles, um motor em linha não é capaz de suportar um sistema híbrido e os motores com desenho em V, sim.

Lembro aqui o seguinte: as regras do WEC não impõem capacidade cúbica dos propulsores, mas sim um compromisso de energia entre a potência do motor elétrico e o motor de combustão interna. A tendência é que com um motor de tão pouco deslocamento cúbico, os construtores optem por motores elétricos mais poderosos. E a Porsche não terá somente um, mas dois sistemas híbridos em seu LMP1. O volante mecânico, sistema desenvolvido pela Williams e adotado pela Porsche no 911 (997) GT3 RSR Hybrid há um par de anos, foi abolido neste projeto. Os alemães escolheram como o caminho o armazenamento de energia por baterias. E essas baterias impulsionarão as rodas dianteiras do bólido, fazendo com que o Porsche LMP1 tenha quatro rodas motrizes como o Audi R18 e-tron quattro.

Anúncios

10 respostas em “Oficial: Porsche LMP1 com motor 4 cilindros e DOIS motores elétricos!

  1. No mínimo, uma opção bem interessante para o sistema de propulsão do carro, Agora é aguardar os testes em conjunto com as outras equipes para se ter um referencial de desempenho, mesmo sabendo que, provavelmente, teremos gente escondendo o leite neles.

  2. É um conceito interessante já que os carros vão ser menores do que esse ano e se eles conseguirem produzir a mesma potência com um motor menor é menos peso e mais eficiência. Pelo menos tudo na teoria é lindo. E os dois motores elétricos já é algo que eles estão utilizando no modelo de rua 918.

  3. A WEC tem um regulamento bem mais atrativo as fabricantes de carros que a F1, dando mais espaço a criatividade. Com o tempo mais pilotos no auge da carreira vão optar pela categoria e não ser uma opção para pilotos sem espaço na F1.

  4. Uma dúvida, Rodrigo: talvez eu esteja desatualizado, mas a Porsche e a Audi pertencem ao mesmo grupo (Volkswagen), certo? É normal haver essa disputa entre fabricantes pertencentes ao mesmo grupo? Seria algo semelhante se a Fiat permitisse a entrada de uma escuderia oficial da Alfa Romeo na F1 nos dias atuais, certo? Houve um racha dentro da Volks ou ela deu carta branca às duas?

    • Eduardo, não existe racha. A Volks permite que os departamentos de motorsport de suas empresas, caso de Audi e Porsche, desenvolvam programas independentes, tanto GT quanto protótipo. No caso da Fiat, é bem difícil que ela permita uma Alfa Romeo voltar a rivalizar com a Ferrari, pelo menos na Fórmula 1.

  5. Pingback: WEC: Porsche confirma mecânica 2 litros V4 em seu 919 Hybrid | A Mil Por Hora

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s