Porsche já tem time de pilotos definido para os EUA

Porsche2014

RIO DE JANEIRO – De volta com um time oficial também no Tudor United SportsCar Championship, em parceria com a CORE Autosport de Jonathan Bennett, a Porsche confirmou quais pilotos serão engajados na campanha de 2014 da nova série estadunidense, na classe GT Le Mans (GTLM).

Além de Patrick Long, que há anos colabora com a marca nos EUA, a equipe terá o novato dinamarquês Michael Christensen, recém-confirmado como o novo nome do lineup do fabricante germânico para o próximo ano. Os dois formarão a dupla do carro #912. Já no #911, vão alinhar Nick Tandy e o austríaco Richard Lietz, que deixa assim a formação do WEC. Tudo indica que, no Mundial, a segunda dupla será formada por Marco Holzer e pelo novo recruta, Fréderic Makowiecki.

Nas 24 Horas de Daytona, Patrick Pilet reforça a tripulação de um dos carros e Jörg Bergmeister alinhará no outro Porsche. O time terá sede em Santa Ana, na Califórnia, onde os dois carros terão sua manutenção corrida a corrida.

O novo 911 (991) GT3 RSR, lançado no ano passado, teve uma boa temporada em 2013, com direito a uma vitória nas 24 Horas de Le Mans – em dobradinha, registre-se – na classe LMGTE-PRO. Entre as inovações em relação ao modelo 997, estão a adoção de um entre-eixos 10 cm mais longo, uma caixa de marchas mais leve com seis velocidades e com o uso do sistema de acionamento paddleshift e o motor 4 litros boxer com mais de 470 HP de potência.

A distribuição de peso foi otimizada com o uso de um menor centro de gravidade, a aplicação de policarbonato nos vidros do carro e o uso de baterias de lítio-íon na parte elétrica. O 991 também dispõe de 200 canais de telemetria, que fazem a leitura dos dados do carro para os boxes, onde os engenheiros alemães estudam o comportamento do bólido na pista. Todos os dados são também armazenados em cartões de memória.

A “nova” versão do 991 com as especificações técnicas de 2014 já estreou na última etapa do WEC, no Bahrein, com um 2º lugar na sua classe. A expectativa da Porsche North America é lutar em pé de igualdade com Corvette, SRT Viper, BMW e Ferrari já na abertura do campeonato em Daytona, no fim de janeiro.

Anúncios

4 respostas em “Porsche já tem time de pilotos definido para os EUA

  1. A proposito. A Risi terá algum apoio da Ferrari North America ou não terá apoio algum ? Esse ano correram com excelentes pilotos no plantel que dispensavam maiores comentários e venceram no VIR.

  2. Rodrigo me responda,Teremos transmissão para o Brasil desse interessantíssimo Campeonato Americano? Seguramente será um dos mais espetaculares torneios no próximo ano.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s