Level 5 Motorsports abandona o TUSC; lista de Sebring baixa para 65 carros

imsa_25806143

RIO DE JANEIRO – Por essa, muitos não esperavam. A equipe Level 5 Motorsports, campeã das 24 Horas de Daytona na classe GTD após uma disputa frenética com um Audi da Flying Lizard Motorsports, decidiu abandonar a temporada 2014 do Tudor United SportsCar Championship. E não tem choro, nem vela. A decisão é irreversível.

“A responsabilidade é minha”, afirmou o diretor esportivo David Stone. “Scott (Tucker, n. do blog: proprietário do time e piloto) colocou toda a parte operacional e as decisões nos meus ombros. E, na minha opinião, participar do Tudor United SportsCar Championship não é o melhor para a Level 5 neste momento.”

“Não estamos desmerecendo a competição. De forma alguma. Eles acham que fazem o que é melhor para eles. E nós, o que é melhor para o time”, afirmou o dirigente.

Segundo o site Sportscar 365.net, do jornalista estadunidense John Dagys, um dos muitos fatores que levaram à decisão de abandonar o certame foi a questão da polêmica penalização que chegou a ser imposta pelo diretor de prova das 24 Horas de Daytona, ao considerar ilegal a defesa de posição do piloto italiano Alessandro Pier Guidi, um dos tripulantes de uma das Ferrari F458 Italia GT3 da Level 5 Motorsports, na disputa contra o Audi R8 LMS guiado pelo alemão Markus Winkelhock.

Também terá causado espécie à equipe a decisão de impor um número de carros por categoria, o que levou a Level 5 a perder potenciais clientes na classe Prototype Challenge, onde tinham confirmado a inscrição de dois protótipos Oreca FLM09, que nunca foram vistos nas pistas – nem em testes de pré-temporada. Com uma Ferrari confirmada ao menos para toda a temporada da divisão GTD, para os pilotos Townsend Bell e Bill Sweedler, e a possibilidade de alinhar duas nas provas longas, nem assim a equipe se animou em dar sequência aos planos.

O caminho da Level 5 deve ser o Pirelli World Challenge, certame de Grã-Turismo disputado nos EUA, com várias provas acontecendo em paralelo com a Fórmula Indy. Pelo regulamento ser bastante semelhante, é bem possível que as Ferrari do time estejam na pista novamente neste ano.

Com a decisão da equipe de abandonar a temporada 2014, o grid das 12 Horas de Sebring perde dois carros na GTD. E a corrida terá também menos um concorrente na GTLM: o Aston Martin #97 inscrito pelo time oficial de fábrica foi retirado da lista oficial de inscritos por divergências no Balance of Performance (BoP) da subdivisão, que teria prejudicado o modelo do construtor britânico nas 24 Horas de Daytona. Como não houve uma decisão final a respeito do apelo da equipe, a AMR resolveu a situação da forma que achou mais conveniente.

Anúncios

9 respostas em “Level 5 Motorsports abandona o TUSC; lista de Sebring baixa para 65 carros

  1. Esses BoP’s ainda vão dar o que falar no TUSC, não me impressionaria se alguém na Prototype num futuro bem próximo comece a chiar. Sei que isso pode não acontecer, mas era hora da IMSA após as 12 Horas de Sebring (afinal essa prova pode e deve servir como comparativo para futuros BoP’s) resolver esses problemas diretamente com as equipes. Senão fatos como esses serão comuns ao longo da temporada.

  2. Considero irreal os DP Daytona Prototypes andarem na frente dos LMP2, só com favorecimento de regulamento, limitação de desempenho e imposição de marca de pneus um chassis tubular anda na frente de monocoque de fibra de carbono. Mas os bairristas donos da categoria, leia-se NASCAR estão atirando nos próprios pés, favorecendo suas charretes locais, e espantando a tecnologia européia, que certamente irá buscar outras searas mais equiparadas para competir.

  3. Para minha alegria o FS2 agora faz parte da grade da NET. Em março já vão começar as transmissões!

  4. Isso não é um bom sinal…na verdade, são dois times debandando…meu temor, como também foi mencionado acima, é que haja uma insatisfação geral por parte do pessoal da P2 por conta das restrições do BoP em favorecimento aos DP’s…

  5. Quanto à questão da disponibilidade do canal, vejam o link: http://natelinha.ne10.uol.com.br/noticias/2014/02/24/fox-sports-2-fecha-com-claro-tv-e-net-sinal-entra-na-proxima-quinta-71865.php
    Primeiro que a má vontade da operadora SKY (da qual também sou cliente) em encaixar o canal é notória desde o ano passado. E segundo, como eu já suspeitava, uma outra programadora, concorrente do grupo Fox/NatGeo, está por trás do “enrosco”. Ou alguém achou normal arrumarem espaço rapidinho , para não dizer imediatamente, para o Sportv 3 após as olimpíadas de 2012?

  6. Eu acho que a Aston Martin está chorando porque no WEC sempre foram os maiores favorecidos no BoP em 2013 e ainda assim não ganharam nada. E se alguém aqui acompanhou minuciosamente a corrida e os treinos desde o Roar Before the Rolex 24. Sabem que a Aston Martin deu muito trabalho para o Viper, BMW, Corvette, Porsche e Ferrari. Parece o garoto mimado dono da bola que fica puto por besteira e leva a bola pra casa. Agora sobre a Level 5, é nitidamente que eles querem que algum cara banque tudo do bolso e eles só fornecerem os mecanicos, engenheiros e todo o suporte que eles podem dar. É nitido que o Scott Tucker não quer tirar dinheiro do bolso para correr contra gente cascuda sendo que ele provou ser capaz de enfrentar a galera da GTD e também da LMPC tranquilamente.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s