Passou rápido

RIO DE JANEIRO – Peço perdão ao amigo e colega de Fox Sports Flavio Gomes por ser tão pouco criativo. É que o momento não requer isso e sim a lembrança saudosa de quem marcou a história do automobilismo brasileiro e mundial.

14759785

Neste 11 de março, completou-se exatamente um ano da morte do “Barão” Wilson Fittipaldi. O homem que foi pioneiro das narrações no rádio, promotor das Mil Milhas Brasileiras e pai de dois pilotos igualmente pioneiros não só no Brasil como também na Fórmula 1, como únicos construtores da categoria máxima na história da América do Sul, esteja onde estiver, deve estar muito triste com os rumos que o esporte vem tomando por aqui.

E assim como o FG, deixo aqui o link do blog de efemérides do Fernando Figueiredo Mello, que este blogueiro passa a seguir a partir de agora.

Um ano… passou rápido. Até demais.

Anúncios

4 respostas em “Passou rápido

  1. Talvez o maior responsável pelo patamar que o Brasil um dia alcançou no automobilismo mundial. Pois seu pioneirismo abriu as portas dentro e fora do pais para praticamente todos os grandes nomes, incluindo seus descendentes diretos.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s