GP2: primeira pole do ano é de Jolyon Palmer

_79P4507

RIO DE JANEIRO – Numa sessão de qualificação atribulada, com muitas bandeiras amarelas e uma interrupção devido à rodada do novato russo Artem Markelov, o britânico Jolyon Palmer conquistou a primeira pole position para a corrida de abertura da temporada 2014 da GP2 Series.

O filho do ex-piloto de Fórmula 1 Jonathan Palmer, em sua primeira aparição oficial pela Dams, encaixou uma ótima volta nos minutos finais, superando o tempo do alemão Daniel Abt, da Hilmer, que parecia inalcançável. Um detalhe: a marca de 1’38″865 de Jolyon o deixaria à frente de Marcus Ericsson no segundo treino livre para o GP do Bahrein, na mesma pista de Sakhir.

Entre os debutantes, ninguém impressionou mais do que o belga Stoffel Vandoorne, da ART Grand Prix. Embora o piloto tenha excedido o limite da pista numa de suas tentativas de volta rápida, ele mostrou qualidades e ficou muito próximo do tempo da pole. Acabou superado por apenas 0″030. Para Daniel Abt, que vem para a disputa de sua segunda temporada, o começo de ano é promissor e o alemão logo de cara larga em terceiro.

A Dams também tem Stéphane Richelmi ocupando a segunda fila ao lado do representante da equipe júnior da Force India. Com outro carro de outro time que tem laços com a Fórmula 1, o indonésio Rio Haryanto surpreendeu e conseguiu a quinta posição, com Stefano Coletti em sexto.

Felipe Nasr foi um dos pilotos prejudicados pelas bandeiras amarelas no fim e pela interrupção por conta do incidente envolvendo Markelov, na segunda metade do treino. O brasileiro, que hoje fez seu primeiro treino de Fórmula 1 numa sexta-feira, vai largar da quarta fila, em 8º, ao lado do neozelandês Mitch Evans, outro que poderia ter ido melhor, uma vez que no treino livre, mais cedo, o piloto fora o mais rápido.

Dois novatos fecham o top 10: o italiano Raffaele Marciello, de quem os seus compatriotas falam maravilhas, colocou-se em nono e Arthur Pic, no retorno da Campos Racing à GP2 Series, ficou com a 10ª posição.

Também em sua primeira participação no certame, André Negrão fez um treino mais do que razoável com o carro da Arden. O piloto que vem da World Series by Renault ficou a 0″782 da pole com o 14º tempo. De quebra, ficou três posições à frente do austríaco Rene Binder, seu companheiro de equipe.

Os demais novatos ficaram assim: Kimiya Sato (Campos) em 16º, Facundo Regalia (Hilmer) em 19º, Takuya Izawa (ART) em 23º, Acxil Jefferies (Trident) em penúltimo e Artem Markelov (Russian Time) fechando a raia.

A corrida #1, prevista para 32 voltas ou máximo de 60 minutos, começa às 7h10 da manhã deste sábado, pelo horário de Brasília.

Eis o grid completo:

1. fila
Jolyon Palmer – Dams – 1’38″865
Stoffel Vandoorne – ART – 1’38″895
2. fila
Daniel Abt – Hilmer – 1’39″073
Stephane Richelmi – Dams – 1’39″081
3. fila
Rio Haryanto – Caterham – 1’39″228
Stefano Coletti – Racing Engineering – 1’39″271
4. fila
Mitch Evans – Russian Time – 1’39″274
Felipe Nasr – Carlin – 1’39″301
5. fila
Raffaele Marciello – Racing Engineering – 1’39″449
Arthur Pic – Campos – 1’39″462
6. fila
Jon Lancaster – MP – 1’39″507
Julian Leal – Carlin – 1’39″588
7. fila
Johnny Cecotto – Trident – 1’39″615
Andre Negrao – Arden – 1’39”647
8. fila
Alexander Rossi – Caterham – 1’39″651
Kimiya Sato – Campos – 1’39″749
9. fila
Rene Binder – Arden – 1’39″788
Conor Daly – Lazarus – 1’39″848
10. fila
Facu Regalia – Hilmer – 1’39″881
Nathanael Berthon – Lazarus – 1’39″928
11. fila
Simon Trummer – Rapax – 1’40″059
Daniel De Jong – MP – 1’40”060
12. fila
Takuya Izawa – ART – 1’40″401
Adrian Quaife Hobbs – Rapax – 1’40″408
13. fila
Axcil Jefferies- Trident – 1’40″619
Artem Markelov – Russian Time – 1’41″172

Anúncios

8 respostas em “GP2: primeira pole do ano é de Jolyon Palmer

  1. Não só houve a questão do Palmer de GP2 ter feito um tempo melhor que a Caterham do Ericsson, como, dos tempos da classificação da GP2, somente o do Markelov ficaria fora da linha dos 107% do treino livre 2 da F1.

  2. Rodrigo, o Haryanto é da equipe da Caterham da GP2.

    O piloto que é da equipe júnior da Force India, a Hilmer é o Regalia.

  3. Rodrigo, desculpe eu li de novo o artigo, eu tinha achado que você tinha errado a frase, mas vi de novo a frase foi um erro meu de interpretação e leitura.

    Mas, uma vez desculpe.

  4. Jolyon Palmer faz uma pole relativamente previsível. É a equipe mais equilibrada, acho eu, o piloto já vinha, em 2013, tendo uma evolução sólida e pelo histórico da categoria, ter alguns anos na categoria faz toda a diferença. É, a meu ver, o principal candidato ao título.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s