CRASH! – O bizarro acidente de Long Beach na F-Indy

RIO DE JANEIRO – O GP de Long Beach, 2ª etapa da Fórmula Indy, foi marcado por um acidente bizarro, na altura da 56ª volta da disputa. O pole position da prova, Ryan Hunter-Reay, campeão da categoria em 2012, mandou Josef Newgarden para o muro. Até aí, nada demais. O problema foi o que aconteceu depois… e aí, só vendo o vídeo abaixo para entender.

Foi uma espécie de “big one” no circuito urbano da Califórnia e nada menos que seis dos envolvidos abandonaram a corrida. Entre eles, claro, RHR e Newgarden, além de outros que compraram pronta a patacoada, como o brasileiro Tony Kanaan, da Ganassi.

A vitória, surpreendentemente, foi de Mike Conway, com o carro #20 da equipe de Ed Carpenter. Will Power chegou em 2º e lidera o campeonato. O rookie Carlos Munoz foi o terceiro e Juan Pablo Montoya foi o quarto. Hélio Castroneves chegou apenas em 11º.

Anúncios

5 respostas em “CRASH! – O bizarro acidente de Long Beach na F-Indy

  1. Isso que dá os carros andarem sempre juntos num circuito de rua sem área de escape. Pela competitividade da categoria essas coisa podem ocorrer mesmo.

  2. Olha não é a primeira vez que isso acontece ainda bem que ninguém se machucou, esse ano tivemos acidentes fortes nas corridas de GT, protótipos e outras categorias por completa falta de bom senso dos pilotos, quando alguém morrer aí quero ver. Se aconteceu um acidente num trecho posterior por quê não sinalizar no setor anterior do acidente que há algo errado no trecho seguinte? Será que não há comunicação entre os “bandeirinhas” em cada setor da pista! Esses tipos de acidentes poderiam ser evitados.

  3. Assisti a esta corrida pela tv e, a impressão que tive do acidente foi que: Hunter-Reay foi impaciente…ali não era lugar de por de lado, o próprio patrão, Michael Andretti (vejam só…) falou em entrevista que ele deveria esperar um pouco mais…sobre o “engavetamento” depois, nitidamente não foi acionada a bandeira amarela nem mesmo no local, vide a velocidade com que colidiram o Sato e depois, o Kanaan. Ao contrário, a transmissão do Bandsports mostrou um dos fiscais agitando a bandeira verde, caracterizando talvez a maior “cagada” automobilística do ano.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s