Silly Season, ELMS 2014: equipes LMGTE/LMGTC

???????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????????

RIO DE JANEIRO – As competições de Endurance já começaram, pelo menos nos EUA, com as 24 Horas de Daytona. O European Le Mans Series dá sua largada só em abril, mas até daqui a menos de um mês a lista de inscritos será divulgada pela Le Mans Endurance Management (LMEM), organizadora da competição em parceria com o Automobile Club de l’Ouest (ACO). Por isso, o blog traz uma estimativa do que pode vir a ser a temporada 2014 em termos de equipes e pilotos, agora nas competições das divisões de Grã-Turismo, após dissecarmos a LMP2.

LMGTE

Equipes confirmadas:

Team SOFREV-ASP
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: Anthony Pons/Soheil Ayari/Fabien Barthez

De olho numa vaga cativa nas 24 Horas de Le Mans neste ano, o Team SOFREV-ASP se inscreve para uma temporada completa do ELMS. Como grande atração, a equipe francesa traz o ex-camisa #16 da seleção francesa, o goleiro Fabien Barthez, campeão mundial em 1998 e que também atuou no Manchester United. Campeão do FFSA GT ano passado em parceria com Morgan Moulin-Traffort, ele deverá ter como colegas no certame europeu os compatriotas Anthony Pons e Soheil Ayari.

Crubilé Sport
Carro: Porsche 911 (997) GT3 RSR
Pilotos: Sebastien Crubilé/François Perrodo/Emmanuel Collard

Tendo comprado o antigo Porsche 911 (997) GT3 RSR spec 2012 da Paul Miller Racing, equipe da American Le Mans Series, o piloto e entusiasta Sebastien Crubilé deve inscrever sua própria escuderia no ELMS em 2014. Ele deverá ter como colegas de time os também franceses François Perrodo e Emmanuel Collard, que correram juntos na ProSpeed Competition ano passado.

SMP Racing
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: Andrea Bertolini/a definir

A SMP Racing confirmou que terá um carro na divisão LMGTE do ELMS em 2014. A princípio, o primeiro piloto é o italiano Andrea Bertolini. A equipe pediu reserva de inscrição para as 24 Horas de Le Mans.

Equipes a confirmar:

IMSA Performance Matmut
Carro: Porsche 911 (997) GT3 RSR
Pilotos: Raymond Narac/a definir

Com direito a uma vaga direta nas 24 Horas de Le Mans pela vitória na classe LMGTE-AM ano passado, a equipe IMSA Performance Matmut deve participar do ELMS para não perder o direito à sua participação em Sarthe. O time deve abrir mão de continuar no WEC e concentrar seus esforços apenas no certame europeu. O patrão-piloto Raymond Narac deverá estar a bordo em 2014.

Proton Competition
Carro: Porsche 911 (997) GT3 RSR
Pilotos: a definir

A situação da Proton Competition permanece em aberto. O time alemão, que tem pelo menos dois Porsche 911 (997) GT3 RSR deve optar por alinhar pelo menos um deles no ELMS neste ano. Nada certo, nada sabido. Vamos aguardar.

ProSpeed Competition
Carro: Porsche 911 (997) GT3 RSR
Pilotos: a definir

O time de Rudi Penders e Franz Lamot também não tem sua situação resolvida para o ELMS em 2014. A equipe também cogita a participação no WEC, da mesma forma que a Proton, mas ter perdido seus pilotos fixos de 2013 pode representar um baque para os belgas.

AF Corse
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a definir

Amato Ferrari deve voltar com pelo menos uma Ferrari F458 no ELMS em 2014, podendo inscrever duas na LMGTE. Pilotos absolutamente indefinidos.

Kessel Racing
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a definir

Inscrita no ELMS em 2013, contudo sem participar de qualquer corrida ao longo do ano, a Kessel Racing parece que desta vez não falhará em seu compromisso. O time de Ronnie Kessel anunciou a intenção de alinhar duas Ferrari F458 Italia na LMGTE.

Larbre Competition
Carro: Chevrolet Corvette C7-R
Pilotos: a definir

Sem conseguir convencer o Bureau do ACO a inscrever o novo Chevrolet Corvette C7-R como um carro LMGTE-AM nas 24 Horas de Le Mans, a Larbre Competition deve optar por uma saída mais simples e competir no ELMS com o novo carro do construtor estadunidense. Daí até o Vette competir em Sarthe como LMGTE-PRO é outro departamento.

Aston Martin Racing
Carro: Aston Martin Vantage V8
Pilotos: Roald Goethe/a definir

Por conta do novo ranqueamento de pilotos nas provas de Endurance, o gentleman driver Roald Goethe pode ser o ponta de lança de uma participação fixa da Aston Martin Racing no ELMS com um modelo Vantage V8 spec 2012. Por enquanto, tudo não passa de especulações.

JMW Motorsport
Carro: a definir
Pilotos: a definir

Até agora, nada se sabe acerca dos planos da JMW Motorsport. O time de Jim McWhiter não deu sinais de vida e de participação no ELMS em 2014.

LMGTC

Equipes confirmadas:

Team SOFREV-ASP
Carro: Ferrari F458 Italia GT3
Pilotos: Jean-Philippe Belloc/Christophe Bourret/Pascal Gibon e Morgan Moulin-Traffort/Jean-Luc Béaubélique/Eric Clement

Além da participação na LMGTE, a equipe francesa Team SOFREV-ASP confirma sua presença no ELMS com duas Ferrari F458 Italia GT3. A tripulação em ambos os carros será 100% francesa, com a reunião do trio Belloc/Bourret/Gibon, que correu junto no WEC em 2013 pela Larbre Competition. Morgan Moulin-Traffort lidera o segundo carro, que terá Jean-Luc Béaubélique e Eric Clement.

Equipes a confirmar:

AF Corse
Carro: Ferrari F458 Italia GT3
Pilotos: Cédric Sbirazzuoli/Adrian De Leener/a definir

Uma das únicas escuderias a fazer toda a temporada da nova divisão LMGTC em 2013, a AF Corse tem tudo para regressar neste ano. Poderão ter um ou dois carros, dependendo do interesse de pilotos e do budget necessário para fazer de novo o campeonato completo. Pelo menos dois nomes estão confirmados: Cédric Sbirazzuoli e Adrian De Leener.

Ecurie Ecosse
Carro: BMW Z4 GT3
Pilotos: a definir

A exemplo da AF Corse, participaram de todo o ELMS ano passado, com resultados modestos. Devem prosseguir com pelo menos uma BMW Z4 GT3.

SMP Racing
Carro: Ferrari F458 Italia GT3
Pilotos: a definir

Mesmo com a expansão confirmadíssima para o FIA WEC, os russos da SMP Racing não vão romper os laços com o ELMS, no qual pretendem correr a tempo inteiro na classe LMGTC. Terão duas Ferrari F458 Italia GT3.

Pro GT by Almeras
Carro: Porsche 911 (997) GT3-R
Pilotos: Franck Perera/Eric Dermont/a definir

Mais uma equipe francesa envolvida no Blancpain Endurance Series que poderá competir na LMGTC neste ano. Pretendem alinhar dois Porsches.

Kessel Racing
Carro: Ferrari F458 Italia GT3
Pilotos: a definir

Além do esquema com um carro na LMGTE, o time de Ronnie Kessel pode aparecer na LMGTC com pelo menos uma Ferrari F458 Italia GT3.

ART Grand Prix
Carro: McLaren MP4-12C GT3
Pilotos: a definir

O big boss do time, Fréderic Vasseur, não confirma mas não desmente o boato de que sua escuderia participará do ELMS em paralelo com o Blancpain Endurance Series, tendo pelo menos um McLaren MP4-12C GT3 no grid. A ver.

Morand Racing
Carro: a definir
Pilotos: a definir

Já confirmados no ELMS com um Morgan LMP2, os suíços da Morand Racing têm o objetivo de inscrever mais um carro, só que na LMGTC. Marca e pilotos por definir.

DKR Engineering
Carro: BMW Z4 GT3
Pilotos: a definir

A equipe de Kendy Janclaes participou do ELMS ano passado esporadicamente na LMP2 e também na LMGTC. Pretendem voltar em 2014 com pelo menos um carro.

Sébastien Loeb Racing
Carro: Audi R8 LMS
Pilotos: a definir

Também com planos de regressar ao ELMS neste ano, a Sébastien Loeb Racing cogita a participação no certame com pelo menos um LMGTC inscrito. Com a mudança anunciada pelo time, que troca o McLaren MP4-12C GT3 pelos Audi R8 LMS, vamos ver se a escuderia não muda seus planos.

Team Russia by Barwell
Carro: BMW Z4 GT3
Pilotos: Leo Machitski/Timur Sardarov/Jonny Cocker

Mais uma invasão russa na Endurance: com dinheiro daquele país, aparece mais uma equipe na LMGTC, associada aos britânicos da Barwell Motorsport. O principal dos pilotos russos na BMW Z4 GT3 do time é Leo Machitski, o primeiro campeão do FIA GT3 em dupla com o falecido Sean Edwards. Timur Sardarov, de 31 anos, aparece para sua primeira competição internacional. E o piloto mais forte do time é o britânico Jonny Cocker, que já disputou as 24 Horas de Le Mans em outras oportunidades pela Barwell.

Anúncios

Silly Season, ELMS 2014: equipes LMP2

3h-imola-2013

RIO DE JANEIRO – Vamos dar uma pincelada no que poderá ser a temporada 2014 do European Le Mans Series (ELMS). O campeonato, que teve uma revitalizada e tanto na última temporada, deve ganhar mais destaque em razão da estabilidade do regulamento e da obrigatoriedade de times interessados em participar das 24h de Le Mans se inscreverem neste campeonato ou no WEC. É hora de saber quais são as equipes com chance de aparecer no certame na classe principal, a LMP2.

Equipes a confirmar:

Signatech-Alpine
Carro: Alpine A450 (Oreca 03) Nissan
Pilotos: Paul-Loup Chatin/a definir

Dona do título do ELMS em 2013, a Signatech-Alpine vai lutar pela defesa do número #1 no certame europeu com pelo menos um carro inscrito, visando a obtenção de duas vagas para as 24 Horas de Le Mans. É provável que o francês Paul-Loup Chatin esteja entre os pilotos titulares da próxima temporada.

Thiriet by TDS Racing
Carro: Morgan Nissan
Pilotos: Pierre Thiriet/Ludo Badey/a definir

A equipe de Xavier Combet deve vir para mais uma batalha em busca da recuperação do posto de principal equipe da LMP2 no ELMS. O único carro do time deverá ter Pierre Thiriet, Ludovic “Ludo” Badey e mais um piloto a ser indicado. Como novidade, passam a ser clientes da Onroak Automotive, com um chassi Morgan a substituir o Oreca usado nos três últimos anos.

Team Jota Sport
Carro: Zytek Z11SN Nissan
Pilotos: Simon Dolan/Harry Tincknell

Destaque na temporada 2013 com várias poles e bons desempenhos ao longo do ano, o Team Jota Sport deve permanecer no ELMS com seu protótipo Zytek Z11SN de motor Nissan. O patrão-piloto Simon Dolan está garantido. Oliver Turvey, que colaborou com o time no último ano, sobe para o WEC. Harry Tincknell, vindo da Fórmula 3 Europeia, é o novo piloto do carro.

Greaves Motorsport
Carro: Zytek Z11SN Nissan
Pilotos: a definir

Tim e Jacob Greaves consideram a possibilidade de inscrição de pelo menos um carro no ELMS, como sempre alinhando um Zytek Z11SN Nissan.

Murphy Prototypes
Carro: Oreca 03 Nissan
Pilotos: Jonathan Hirschi/a definir

A equipe de Greg Murphy tem planos de dar continuidade ao seu trabalho no ELMS com pelo menos um Oreca 03 Nissan. Com Brendon Hartley fora, uma vez que o neozelandês assinou com a Porsche, a equipe tem que buscar opções no mercado para surprir essa lacuna. Jonathan Hirschi, que disputou algumas corridas em 2013, pode permanecer para a temporada completa deste ano.

Boutsen Ginion Racing
Carro: Oreca 03 Nissan
Pilotos: a definir

O time dirigido por Olivier Lainé e que carrega o nome do antigo piloto de Fórmula 1 Thierry Boutsen busca pilotos para financiar o projeto de participação na temporada completa do ELMS. No ano passado, a escuderia fez apenas figuração. Espera-se que venham melhor neste ano.

Race Performance
Carro: Oreca 03 Judd
Pilotos: Michel Frey/Franck Mailleux

A Race Performance teve altos e baixos em sua última temporada no ELMS, onde terminaram em 6º lugar. Para 2014, o patrão-piloto Michel Frey terá como novo colega de escuderia o francês Franck Mailleux, que já tem bastante experiência na condução de protótipos e sem dúvida terá muito a somar no time helvético. Chegou a ser considerada a hipótese de um segundo carro na pista, mas não se confirmou nada a respeito.

Morand Racing
Carro: Morgan Judd LMP2
Pilotos: Christian Klien/Gary Hirsch

Bénoit Morand deve voltar a alinhar um Morgan com motor Judd para sua segunda temporada completa no ELMS. A equipe apareceu bem e chegou ao fim do campeonato em 5º, tendo como grande atração a participação da suíça Natacha Gachnang. O austríaco Christian Klien, aquele mesmo que já esteve na Fórmula 1, será titular ao lado do suíço Gary Hirsch.

Pegasus Racing
Carro: Morgan Nissan LMP2
Pilotos: Julien Schell/Niki Leutwiller/a definir

De volta após alguns anos ausente do ELMS, a Pegasus Racing comprou um chassis Morgan da OnRoak Automotive para disputar a série europeia em 2014 com motor Nissan 4,5 litros V8 neste carro. Sócio do time, Julien Schell está confirmado a bordo, ao lado de Niki Leutwiller. Um terceiro piloto será indicado brevemente.

Woodard Racing Organisation (WRO)
Carro: HPD ARX-03b
Pilotos: a definir

O time de Daniel Woodard reaparece para a temporada 2014 do ELMS confirmando a compra de um HPD ARX-03b, que aparecerá não só no certame europeu como também no Asian Le Mans Series. O experiente Johnny Mowlem deve ser um dos pilotos que participarão deste projeto.

Sébastien Loeb Racing
Carro: Oreca 03 Nissan
Pilotos: a definir

Após um ano sabático por falta de fundos, a Sébastien Loeb Racing pretende regressar ao ELMS e disputar todo o campeonato, pleiteando assim uma vaga na LMP2 para as 24 Horas de Le Mans. Vários pilotos foram testados, entre eles Kévin Estre, Jean-Karl Vernay, Oli Webb, Andy Zuber e Sacha Bottemanne, num treino realizado em Navarra, na Espanha.

Tiga Race Cars
Carro: Tiga LM214 Judd
Pilotos: a definir

Com base num vetusto chassis Embassy WF01, apresentado há alguns anos atrás, a Tiga deve promover a estreia do seu LM214 no ELMS, com o objetivo de conseguir uma vaga fixa para Sarthe. O carro deve ser alinhado num esquema ligado à fábrica, onde poderemos ter a volta de Thomas Erdos, piloto brasileiro radicado há 25 anos na Europa, às competições de protótipos, ao lado do velho amigo e detentor da exploração do nome Tiga, bem como da construção e fabricação de chassis, Mike Newton.

Outros:

Stéphane Raffin, que alinhou em parceria com a DKR Engineering de Luxemburgo um velho Lola B11/40 em apenas duas provas no início do campeonato e também em Le Mans, tem planos de inscrever um ou dois carros – certamente de uma geração mais recente.

Uma equipe dos EUA (não se sabe qual) estaria disposta a participar do ELMS em 2014, após adquirir um Lola B12/80 da Gulf Racing Middle East.

A Orex Racing deve se associar ao Team RLR e alinhar um HPD ARX-03b na próxima temporada do European Le Mans Series. Se conseguirem o financiamento necessário, participarão do campeonato.

Silly season, WEC 2014: equipes LMGTE-PRO/LMGTE-AM

0Dagys_-2013_176672-1

RIO DE JANEIRO – Como o blog tem enfatizado mais as 24 Horas de Daytona e o Rali Dakar neste início de ano, ficou difícil trazer mais informações sobre o Mundial de Endurance (WEC) e a chamada Silly Season para o próximo campeonato, que se inicia em abril. Posso tardar, mas não falho. Vamos ver quais são as equipes cotadas para serem anunciadas em fevereiro, no anúncio simultâneo de competidores do WEC e das 24 Horas de Le Mans, daqui a menos de um mês.

LMGTE-PRO

Equipes confirmadas:

Porsche AG Team Manthey
Carro: Porsche 911 (991) GT3 RSR
Pilotos: Jörg Bergmeister, Patrick Pilet, Marco Holzer e Fréderic Makowiecki

Apesar de muitos duvidarem que a Porsche se dividisse entre os programas de Protótipos e Grã-Turismo, a marca alemã fazia questão – já no meio do último ano, é bom lembrar – de afirmar que o investimento na LMGTE-PRO seguiria firme e os alemães provaram isso fincando pé na equipe de Olaf Manthey com direito a uma participação societária no capital do time. O carro na versão 2014 já estreara – e bem – nas 6h do Bahrein e a equipe continua com dois carros. As novidades são Marco Holzer e Fréderic Makowiecki no segundo carro, nos lugares de Marc Lieb (agora na equipe de Protótipos) e de Richard Lietz, envolvido no Tudor United SportsCar Championship.

Aston Martin Racing
Carro: Aston Martin Vantage V8
Pilotos: a definir

Derrotada no ano do centenário de sua fundação tanto no WEC quanto nas 24 Horas de Le Mans, a Aston Martin evoluiu bastante em comparação ao primeiro ano do Mundial, no ano passado. Mas houve muita chiadeira dos outros construtores, que alegavam benefícios à AMR quanto ao Balance of Performance (BoP) que norteia o regulamento técnico dos modelos Grã-Turismo. O construtor britânico confirmou que manterá o programa de Endurance com dois carros em 2014 no WEC. Mesmo sem Fred Makowiecki, que se mudou para a Porsche, grande parte do elenco de pilotos deve permanecer para a próxima temporada.

AF Corse
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: Gimmi Bruni, Toni Vilander, Davide Rigon e a definir

A AF Corse deve mais uma vez ser a representante oficial da Ferrari no WEC entre os modelos de Grã-Turismo. Nada está 100% confirmado, mas é bem provável que o time de Amato Ferrari inscreva, tal como no ano passado, duas Ferrari F458 Italia na especificação 2014, com evoluções de aerodinâmica. Com a saída de Giancarlo Fisichella para o Tudor United SportsCar Championship e a volta de Kamui Kobayashi à Fórmula 1 pela Caterham, abriram-se duas vagas e uma já está confirmada para Davide Rigon, com um companheiro ainda por definir. No outro carro, deverão estar Gimmi Bruni e Toni Vilander.

Equipes a confirmar:

RAM Racing
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a definir

O time de Dan Shufflebottom fez boa presença no European Le Mans Series e agora os planos são bem mais ambiciosos: a participação a tempo inteiro no WEC com dois carros – um na LMGTE-PRO e outro na LMGTE-AM. O britânico Matt Griffin, que fez parte da dupla campeã em 2013 com Johnny Mowlem, mudou de graduação (prata para ouro) e deve ser um dos pilotos do time.

LMGTE-AM

Equipes confirmadas:

Aston Martin Racing
Carro: Aston Martin Vantage V8
Pilotos: David Heinemeier-Hänsson e a definir

A reboque da confirmação da participação da AMR no Mundial de Endurance com dois carros na LMGTE-PRO, foi garantida a presença da Aston Martin também na LMGTE-AM. Com seis vagas em aberto, porque ninguém está confirmado, vários pilotos têm chance. Tanto o gentleman driver Roald Goethe pode voltar como também o dinamarquês David Heinemeier-Hänsson, que testou com a equipe em Daytona, tem chances.

AF Corse
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a definir

Amato Ferrari também dará sequência ao seu esquema de LMGTE-AM no WEC em 2014 com duas Ferrari F458 Italia. Embora François Perrodo e Manu Collard tenham ido muito bem no Bahrein na última etapa do campeonato, os dois deverão fazer parte do ELMS com um Porsche – mas nada deve impedir que eles participem do Mundial porque as datas – à exceção de Silverstone – não coincidem. Campeão no AsLMS, Steve Wyatt pode ter uma chance.

8Star Motorsports
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: Enzo Potolicchio e a definir

A 8Star Motorsports quase ficou de fora do WEC em 2014. O venezuelano Enzo Potolicchio cogitou não participar da competição por causa de interpretações dúbias de regulamento e pela presença de sua equipe no Tudor United SportsCar Championship. Mas mesmo com a ‘queda’ na graduação de prata para bronze, o piloto sul-americano mudou os planos e volta para mais uma temporada em parceria com a AF Corse, que fará o running do carro.

Equipes a confirmar:

Proton Competition
Carro: Porsche 911 (991) GT3 RSR
Pilotos: a definir

Tradicional participante das competições de Endurance, a Proton Competition almeja inscrever neste ano o novo Porsche 911 (991) GT3 RSR, já apto para competir na LMGTE-AM por ter completado um ano desde seu lançamento. Christian Ried ainda não deu pistas de que categoria a equipe participará, se no WEC, no ELMS ou mesmo nos dois certames, tal como em 2013. Gianluca Roda e Paolo Ruberti, que correram a temporada inteira, vão disputar as 24h de Daytona pela Spirit of Race e há dúvidas sobre o retorno dos italianos à equipe.

RAM Racing
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a definir

Campeã do ELMS em 2013, a RAM Racing deve confirmar sua presença no WEC com dois carros – um deles na LMGTE-AM, onde Johnny Mowlem, o experiente piloto britânico, deve liderar a equipe.

ProSpeed Competition
Carro: Porsche 911 (991) GT3 RSR
Pilotos: a definir

Os belgas da ProSpeed Competition têm planos de se inscrever no WEC com pelo menos um Porsche 911 (991) GT3 RSR, mas nada está definido. Se não conseguirem sequer mudar para o carro novo, continuarão com o velho 911 (997) GT3 RSR, que está perfeitamente dentro do regulamento técnico da subcategoria de Grã-Turismo. Maxime Soulet é especulado como um dos pilotos do time de Rudi Penders, mas nada está confirmado.

Larbre Competition
Carro: a definir
Pilotos: a definir

O grande dilema de 2014 está na participação da Larbre Competition no WEC. O time francês quer permanecer fiel à Corvette, mas o modelo C6-R teve inúmeras restrições mecânicas em 2013 e foi um dos piores carros do ano. O novo C7-R é inelegível para a classe LMGTE-AM e as opções escasseiam diante desta situação. Quanto aos pilotos, a única certeza é que Patrick Bornhauser dificilmente volta para uma terceira temporada – isso se a Larbre participar, é claro.

Não devem participar:

IMSA Performance Matmut

Após uma temporada bastante razoável no WEC, a IMSA Performance Matmut pode não voltar ao Mundial em 2014. Raymond Narac e Franck Rava nada confirmaram ainda, mas é mais provável que a equipe da terra da Bastilha opte por disputar o ELMS para não perder a vaga direta nas 24 Horas de Le Mans, conquistada com a vitória na subclasse LMGTE-AM ano passado.

Krohn Racing

Tracy W. Krohn optou desta vez por não permanecer com seu esquema em 2014 com a indefectível Ferrari F458 Italia, que será vista em temporada parcial do Tudor United SportsCar Championship. Mas um retorno não está descartado em 2015, provavelmente na classe LMP2. A equipe testou um Lotus T128 no Bahrein e gostou do que viu. A Krohn deverá pelo menos participar das 24 Horas de Le Mans.

Foto: John Dagys (Sportscar365.net)

Silly season WEC 2014 – equipes LMP1/LMP2

20131130220858_2013-6-Heures-de-Bahrein--AJ9X5180_II

RIO DE JANEIRO – Começamos o ano de 2014 a todo vapor com a temporada de boatos do Campeonato Mundial de Endurance (WEC). O campeonato deste ano terá algumas mudanças substanciais de regulamento na principal divisão, a LMP1. Vamos ao que pode acontecer até fevereiro, quando serão anunciados os times full season nas quatro divisões do certame. Começamos com as subclasses LMP1 e LMP2.

LMP1

Equipes confirmadas:

Audi Sport Team Joest
Carro: Audi R18 e-tron quattro
Pilotos: Loïc Duval/Tom Kristensen/Lucas Di Grassi e Marcel Fässler/Andre Lotterer/Bénoit Tréluyer

A Audi regressa para o WEC em 2014 com a nova versão do R18 e-tron quattro. O já conhecido protótipo campeão do certame nas duas últimas temporadas mantém o sistema flywheel e um acionamento de Energy Recovering System através do turbocompressor do motor V6 movido a diesel. Com substanciais mudanças de aerodinâmica por exigência do regulamento, o novo carro deverá ser conduzido por Andre Lotterer, Marcel Fässler e Bénoit Tréluyer num bólido, enquanto o outro terá Loïc Duval, Tom Kristensen e o brasileiro Lucas Di Grassi, como substituto de Allan McNish, que aposentou-se ao fim do campeonato do ano passado. A Audi terá um terceiro carro em Spa-Francorchamps e Le Mans, com Filipe Albuquerque/Oliver Jarvis/Marco Bonanomi.

Toyota Racing
Carro: Toyota TS040 Hybrid
Pilotos: Alex Wurz/Kazuki Nakajima/Nicolas Lapierre e Anthony Davidson/Sébastien Buemi/Stéphane Sarrazin

Assim como a Audi e também a Porsche, que estreia neste ano, a Toyota vai apresentar um protótipo com dois capacitores elétricos para dar potência extra ao carro, além do motor V8 naturalmente aspirado e movido a gasolina. Sabe-se que o novo projeto tem a sigla de TS040 e virá com uma nova aerodinâmica, especialmente nas seções dianteiras e traseiras, bem como um entre-eixos menor. Todos os pilotos que atuaram no programa do WEC em 2013 foram confirmados para a nova temporada. O britânico Mike Conway foi contratado como o “regra três”, atuando em testes e desenvolvimento, podendo ser escalado para eventuais aparições como titular quando houver coincidência de datas para Kazuki Nakajima com o Super GT e a Super Formula (a antiga Formula Nippon).

Porsche AG
Carro: Porsche 919 Hybrid
Pilotos: Romain Dumas, Timo Bernhard, Neel Jani, Mark Webber, Marc Lieb e Brendon Hartley

A mais aguardada estreia para a temporada 2014 do WEC é, sem dúvida, da Porsche. O construtor alemão traz um projeto mecânico com um motor 4 cilindros turbo de arquitetura em V e também dotado de dois supercapacitores, movido a gasolina. O carro tem sido exaustivamente testado e o confronto direto com Audi e Toyota é um dos mais aguardados do ano. A marca tem sob contrato um interessante time de pilotos, onde a grande atração é a presença de Mark Webber, que deixou a Fórmula 1. Os ótimos Romain Dumas, Timo Bernhard e Marc Lieb, que já tinham vínculo com a Porsche, farão parte do programa. Neel Jani é uma boa aquisição, assim como Brendon Hartley. As formações não estão confirmadas, entretanto.

Rebellion Racing
Carro: Rebellion R-One Toyota
Pilotos: Nicolas Prost/Nick Heidfeld/Mathias Beche e a definir

A equipe helvética com base na Inglaterra também terá novidades para a próxima temporada do WEC. Em associação com os franceses da Oreca, o time vem com um carro “próprio”, deixando para trás a parceria com a Lola, que já vinha de meia década. A equipe é por enquanto a única confirmada na divisão LMP1-Light (LMP1-L), para os protótipos sem vínculo com times oficiais de fábrica e sem os sistemas de recuperação de energia. O carro terá o motor Toyota RV8KLM com 3,4 litros, como já vem acontecendo desde 2012. Nicolas Prost terá como companheiros o suíço Mathias Beche e o alemão Nick Heidfeld, que disputará a temporada completa pela primeira vez. Neel Jani será um considerável desfalque e o time pretende ter dois carros a tempo inteiro no WEC em 2014.

Lotus-Kodewa
Carro: Lotus T129
Pilotos: Christijan Albers e a definir

A equipe alemã Kodewa alinhou em 2013 o “mini-Audi”, o protótipo Lotus T128, sob a égide do Team Lotus Praga na LMP2. O carro careceu de confiabilidade e a temporada foi salva do completo desastre com o pódio obtido por um de seus carros em Austin. A surpresa é a confirmação do programa do time de Romulus e Colin Kölles na classe LMP1-L. O holandês Christijan Albers é o primeiro nome confirmado.

Equipes a confirmar:

OAK Racing
Carro: OAK LMP1
Pilotos: a definir

Os franceses da OAK Racing seguem o desenvolvimento de seu próprio projeto para a classe LMP1, sem ter certeza – contudo – quando o carro ficará definitivamente pronto para testes e corridas. O atraso do cronograma pode fazer com que uma provável inscrição full season não aconteça dentro do que previa o time de Jacques Nicolet. Certo é que o carro não deve ser apresentado antes das 6h de Silverstone.

Level 5 Motorsports
Carro: a definir
Pilotos: a definir

A equipe do estadunidense Scott Tucker gostaria de participar a tempo pleno do WEC com uma inscrição na classe LMP1-L, apesar dos múltiplos esforços que apontam para um envolvimento grande do time em duas frentes no Tudor United SportsCar Championship. Não há nada por enquanto que aponte para uma participação da escuderia no Mundial de Endurance, mas existem possibilidades viáveis de se alinhar um HPD ARX-03c ou então um Lola B12/60 Toyota.

Outros projetos:

Welter Racing (WR)

A Welter Racing tem pretensões de voltar às competições de Endurance, mas a exemplo da OAK Racing, esbarra em dificuldades técnicas e principalmente financeiras, para dar cabo à execução de seu projeto. Mesmo com o desejo de voltar em 2014, terão que esperar um pouco mais – embora haja até opções mecânicas para clientes, como os novos motores Zytek e Judd para a divisão LMP1. Os planos estão adiados até segunda ordem, pelo menos para 2015 ou 2016.

Perrinn

O antigo engenheiro de Fórmula 1 Nicolas Perrin chegou a apresentar no ano passado um croqui de um interessante projeto para protótipo LMP1, que poderia contemplar múltiplas opções mecânicas e a acoplagem de sistemas híbridos. Contudo, também por falta de recursos, o projeto não deve ser concretizado para este ano, tendo o lançamento adiado para 2015.

LMP2

Equipes confirmadas:

Millenium Racing (Delta-ADR)
Carro: Oreca 03 Nissan
Pilotos: Fabién Giroix/John Martin/Oliver Turvey, Stefan Johansson e a definir

Após um bom ano em 2013, com cinco vitórias em parceria com a G-Drive Racing, a Delta-ADR de Alan Docking e Simon Dowson consolida sua presença no WEC neste ano em associação com a Millenium, já iniciada na etapa final da última temporada, no Bahrein. Por força disso, o francês Fabién Giroix é um dos pilotos confirmados e o veteraníssimo sueco Stefan Johansson deve igualmente fazer parte do projeto a tempo inteiro. A equipe terá dois chassis Oreca 03 com motor Nissan V8 4,5 litros.

SMP Racing
Carro: Oreca 03 Nissan
Pilotos: Maurizio Mediani/Nicolas Minassian/Sergey Zlobin e Viktor Shaitar/Anton Ladygin/Kyrill Ladygin

Os ambiciosos russos da SMP Racing planejam o ataque total ao WEC em 2014, provavelmente em associação com um time capacitado para fazer o running de dois Oreca 03 Nissan – que confirmou-se ser a AF Corse. Sergey Zlobin e seu parceiro Maurizio Mediani, com quem dividiu pilotagem em três das cinco corridas do European Le Mans Series, farão parte do projeto junto ao experiente francês Nicolas Minassian. O segundo carro terá um trio 100% russo, com Viktor Shaitar e os irmãos Anton e Kyrill Ladygin a bordo.

Strakka Racing
Carro: Strakka-Dome S103 Nissan
Pilotos: Nick Leventis/Danny Watts/Jonny Kane e a definir

A escuderia britânica Strakka Racing regressa ao WEC neste ano através de uma associação técnica com os japoneses da Dome Cars, que desenvolvem o novo protótipo S103, que terá motor Nissan V8 4,5 litros. O modelo coupé do construtor será guiado a princípio por Nick Leventis, Danny Watts e Jonny Kane. Há o interesse de se alinhar um segundo bólido, oferecido a pilotos interessados em cobrir as despesas necessárias para disputar toda a temporada completa do Mundial de Endurance.

KCMG Racing
Carro: Oreca 03 Nissan
Pilotos: a definir

Após participações esporádicas no WEC no último ano, nas etapas de Silverstone e Fuji, bem como nas 24 Horas de Le Mans, o time KCMG Racing, de Hong Kong, tem como objetivo disputar a temporada completa de 2014 do Mundial de Endurance. O chefe de equipe Paul Ip confirmou a poucos dias do anúncio oficial dos inscritos a mudança do chassi Morgan pelo Oreca 03 com motor Nissan. Os pilotos ainda não foram definidos.

Equipes a confirmar:

Signatech-Alpine
Carro: Alpine A450 Nissan
Pilotos: a definir

O time campeão da última temporada do European Le Mans Series também tem planos de alinhar pelo menos um carro no WEC em 2014. Philippe Sinault já tinha apontado para esta possibilidade e a equipe pode se dividir entre o Mundial e o Europeu. Os titulares do ano passado, Nelson Panciatici e Pierre Ragues, devem fazer parte do projeto e um terceiro piloto (talvez um pay driver) poderá se juntar a eles.

OAK Racing
Carro: Morgan LMP2 Nissan
Pilotos: a definir

Enquanto não se definem as linhas mestras do time de LMP1, Jacques Nicolet pode voltar em 2014 com um esquema contemplando pelo menos um carro LMP2. O time campeão do WEC no ano passado conversa com pilotos potencialmente interessados em tomar parte do projeto. Neste ano, a escuderia correrá também no Tudor United SportsCar Championship.

G-Drive Racing
Carro: a definir
Pilotos: a definir

Uma vez que o piloto russo Roman Rusinov teve um upgrade em sua carteira de piloto internacional FIA, com a graduação subindo de prata para ouro, não se sabe se a G-Drive Racing tomará parte da LMP2 no WEC ou se o próprio Rusinov quererá seguir dentro do mesmo esquema adotado neste ano, quando a Delta-ADR cuidou do running do time. A aguardar.

Greaves Motorsport
Carro: Zytek Z11SN Nissan
Pilotos: a definir

A permanência da Greaves Motorsport está seriamente posta em dúvida para 2014 no WEC por conta de dificuldades financeiras. Por conta do orçamento apertado, poderão optar por um programa mais enxuto, disputando o European Le Mans Series. Caso consigam o financiamento para o Mundial – e chegaram perto, muito perto, de obter um novo patrocínio, vão com um carro, como sempre.

Não deve participar:

Pecom Racing

A equipe argentina capitaneada por Luis Perez-Companc não deve fazer a temporada completa do WEC em 2014. Após o fracasso quanto à mudança do time para o Tudor United SportsCar Championship, é possível que a escuderia limite-se a disputar pelo menos as primeiras provas do campeonato até as 24 Horas de Le Mans. O grupo técnico da Pecom, contudo, pode ajudar na formação do novo time cliente da AF Corse na classe LMP2 – e especula-se que seja a SMP Racing.

Silly season USCC 2014: equipes de Grã-Turismo (atualizado)

_RD49669

RIO DE JANEIRO – Após um panorama de como poderão atuar as equipes de protótipos no futuro Tudor United Sports Car Championship, vamos a uma análise atualizada de como virão os times das divisões GTLM (GT Le Mans) e GTD (GT Daytona). A GTLM obedece ao regulamento técnico ACO/FIA e a GTD reúne os carros que estavam homologados para a Rolex Sports Car Series, os Porsche Cup e demais modelos GT3.

Confiram:

Classe GT Le Mans (GTLM)

Equipes confirmadas:

Corvette Racing
Carro: Chevrolet Corvette C7-R
Pilotos: Jan Magnussen/Antonio Garcia (#3) e Oliver Gavin/Tommy Milner (#4)

A Corvette vem para a 10ª temporada consecutiva no automobilismo estadunidense com uma nova arma para manter a hegemonia na divisão GTLM: entrará em ação o novo modelo C7-R, baseado no carro de produção de série e que sucederá o C6-R. Os pilotos titulares seguem os mesmos – mas para Sebring e Daytona, a equipe chefiada por Doug Fehan terá que se socorrer de novos nomes, uma vez que Jordan Taylor e Richard Westbrook estarão a serviço de equipes da divisão Prototypes.

BMW Team RLL
Carro: BMW Z4 GTE
Pilotos: a confirmar (#55 e #56)

O time de Bobby Rahal e David Letterman regressa para mais uma temporada com o modelo Z4 GTE após um bom ano de estreia do sucessor do M3 GTR. A equipe ainda não anunciou quais serão seus pilotos titulares em 2014, mas tudo indica que John Edwards deve ser efetivado como titular no posto de Joey Hand, que só deverá colaborar com o time em eventos pré-selecionados. Quem pode aportar no time é Andy Priaulx, que foi mal no DTM. A BMW estuda substituir o britânico pelo belga Maxime Martin, que colaborou com o BMW Team RLL neste ano. A equipe vai alinhar dois carros, tal como na última temporada da ALMS.

SRT Motorsports
Carro: SRT Viper GTS-R
Pilotos: a confirmar (#91 e #93)

Em um ano e meio apenas nas pistas, o projeto da SRT Motorsports nas competições de Grã-Turismo superou as expectativas mais otimistas. Os carros foram velozes, competitivos e obtiveram bons resultados na ALMS, incomodando a concorrência. Para o lineup de pilotos, pode ser que haja novidades no que diz respeito as corridas longas. Ryan Dalziel não vai colaborar com a equipe no TUSCC desta vez. Provavelmente os titulares serão os mesmos: Dominik Farnbacher, Marc Gossens, Kuno Wittmer e Jonatham Bomarito. Seguirão com dois carros em 2014.

Team Falken Tire
Carro: Porsche 911 (991) GT3 RSR
Pilotos: Wolf Henzler/Bryan Sellers (#17)

A equipe capitaneada por Derrick Walker e com o patrocínio do fabricante de pneus Falken regressará para mais uma temporada, com o novo modelo 991 da Porsche. A parceria formada por Wolf Henzler e Bryan Sellers continua e um terceiro piloto, provavelmente ligado à montadora alemã, será indicado ainda para as corridas longas. Terão um carro no USCC em 2014.

Equipes a confirmar:

Porsche Motorsport North America
Carro: Porsche 911 (991) GT3 RSR
Pilotos: a confirmar

Existe uma possibilidade remota da Porsche regressar aos EUA com um time oficial de fábrica na GTLM. A marca alemã fincou pé no WEC, na classe LMGTE-PRO – onde o programa será mantido, mas pode apoiar oficialmente uma equipe em território ianque. A CORE Autosport pode ser eleita o time oficial da Porsche no TUSCC, por conta da presença do excelente Patrick Long. Caso isto ocorra, serão dois bólidos nas pistas no próximo ano.

Risi Competizione
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a confirmar (#62)

A equipe de Giuseppe Risi depende de patrocínio para poder continuar envolvida no USCC em 2014, apesar do razoável ano de regresso às competições após um ano ausente. Caso as peças se encaixem, o time sediado em Houston, no Texas, deve alinhar mais uma vez a sua usual Ferrari F458 Italia, com pilotos indicados pelo construtor italiano.

Equipes que vão disputar apenas o NAEC:

Aston Martin Racing
Carro: Aston Martin Vantage V8
Pilotos: a confirmar (#97)

O tradicional construtor britânico fez um pedido de inscrição de pelo menos um Aston Martin Vantage V8 à IMSA, para a disputa das provas de longa duração do certame. A Aston Martin levou um carro aos testes de pré-temporada em Sebring e Daytona, confrontando o desempenho com BMW, Ferrari e SRT Viper. Veremos se a inscrição será aceita.

Krohn Racing
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a confirmar (#57)

Tracy Krohn confirmou no Bahrein, antes da última etapa do WEC, que sua escuderia poderá estar presente pelo menos nas 24 Horas de Daytona, com sua Ferrari F458 Italia. A equipe tem planos de inscrever-se na divisão GTLM em mais algumas provas – possivelmente os eventos de longa duração do calendário e talvez na etapa “caseira” de Austin, no Texas.

Classe GT Daytona (GTD)

Equipes confirmadas:

Scuderia Corsa
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: Alessandro Balzan e a confirmar (#63 e #64)

A equipe que levou o italiano Alessandro Balzan ao título da GT na última temporada da Rolex Sports Car Series permanecerá nas pistas com duas Ferrari F458 Italia adaptadas ao regulamento da classe GTD. Por enquanto, apenas Balzan está confirmado entre os titulares.

Magnus Racing
Carro: Porsche 911 GT America
Pilotos: Andy Lally/John Potter (#44)

Vice-campeã em 2013 na Rolex Sports Car Series, a Magnus Racing foi a primeira escuderia a receber o novo Porsche 911 GT America, específico para as competições da classe GTD do USCC. Os pilotos titulares estão confirmados: John Potter e Andy Lally seguem a bordo para o próximo campeonato.

Flying Lizard Motorsports
Carro: Audi R8 LMS
Pilotos: a confirmar (#35 e #45)

Os “Lagartos Voadores” trocam a Porsche, após 10 temporadas de parceria, pela Audi. O acordo contempla o uso do modelo R8 LMS na classe GTD no próximo ano. Pilotos ainda não foram definidos, mas de concreto – mesmo – só a volta do patrão Seth Neiman ao volante. O time deve ter pilotos oficiais da marca alemã nos eventos de longa duração, principalmente Daytona, Sebring e Petit Le Mans. A FLM virá com duas inscrições fixas em 2014.

Alex Job Racing
Carro: Porsche 911 GT America
Pilotos: Cooper MacNeil/Leh Keen (#22) e Ian James/Mario Farnbacher (#23)

Tradicional cliente Porsche, a Alex Job Racing mantém os laços com o construtor alemão em 2014, envolvida apenas na divisão GTD após uma participação sem muito brilho na LMGT no extinto campeonato da American Le Mans Series. O time de Holly e Alex Job terá dois 911 GT America inscritos. Cooper MacNeil está confirmado para o próximo ano, com o apoio da WeatherTech, contudo ainda sem parceiro confirmado. No segundo Porsche, alinhado em parceria com o Team Seattle, estarão Ian James e o alemão Mario Farnbacher.

Dempsey Racing
Carro: Porsche 911 GT America
Pilotos: a confirmar (#27)

O time do popular galã de Hollywood Patrick Dempsey cumpriu um ano honesto no recém-encerrado campeonato da ALMS e se prepara para o novo desafio: ano que vem, vão correr na GTD com dois Porsche 911 GT America – um deles, certeza absoluta, com McDreamy a bordo. Andy Lally, fechado com a Magnus Racing, não poderá colaborar com Dempsey no próximo ano, o que aumenta a chance para outros pilotos com patrocínio conseguirem postos de titular em 2014. A equipe terá dois carros.

Riley Technologies
Carro: SRT Viper GT3-R
Pilotos: Jeroen Bleekemolen/Ben Keating (#33)

Uma das boas novidades para o USCC é a estreia do SRT Viper na configuração GT3, homologado para a divisão GTD. A Riley Technologies desenvolverá o carro que pertencerá a uma equipe montada pelo piloto Ben Keating, cujo principal reforço é o excelente piloto holandês Jeroen Bleekemolen. Virão com apenas um carro para toda a temporada.

NGT Motorsports
Carro: Porsche 911 GT America
Pilotos: Henrique Cisneros/Kuba Giermaziak (#30)

Ainda abalada pela chocante perda de Sean Edwards, a NGT Motorsports deve prosseguir com sua campanha em terras ianques, agora na GTD com o fim da ALMS e, logicamente, da divisão LMGTC nos EUA. O venezuelano Henrique Cisneros terá um novo parceiro: o polonês Jakub “Kuba” Giermaziak. O carro do time continuará com a tradicional pintura Momo na próxima temporada. A equipe deverá ter o reforço de Michael Christensen nas provas do NAEC.

TRG-AMR North America
Carro: Aston Martin Vantage V12 GT3
Pilotos: James Davison/David Block/Al Carter e a confirmar (#66 e #67)

Eis uma associação que pode dar o que falar no próximo ano: pela primeira vez em décadas a The Racers Group de Kevin Buckler vai se dedicar 100% à preparação de modelos GT que não sejam Porsche. O time de Petaluma, na Califórnia, assinou com a Aston Martin um acordo de colaboração técnica e comercialização dos carros no mercado estadunidense e o primeiro passo foi dado com a estreia do Vantage nas corridas finais da Rolex Sports Car Series neste ano. Pilotos para os dois carros que devem disputar o campeonato inteiro não foram anunciados e não está descartado o envolvimento de nomes do time oficial de fábrica nas corridas de longa duração.

Park Place Motorsports
Carro: Porsche 911 GT America
Pilotos: Jim Norman/a confirmar e Kévin Estre/Patrick Lindsey (#71 e #73)

Mais um time oriundo da divisão GT da Rolex Sports Car Series com planos de competir a tempo inteiro no USCC, a Park Place Motorsports tentará novos pilotos para 2014 – além de Jim Norman, o primeiro confirmado, pois Patrick Long, que colaborou com a escuderia, deve correr na GTLM ano que vem. A equipe terá dois carros.

GMG Racing
Carro: Audi R8 LMS
Pilotos: a confirmar (#32)

O time de James Sofronas participou algumas vezes da ALMS com Porsche, mas estava no Pirelli World Challenge com vários Audi R8 LMS – e o conhecimento adquirido no desenvolvimento do modelo alemão fez com que a escuderia decidisse por alinhar um carro do construtor alemão no USCC no próximo ano.

Turner Motorsport
Carro: BMW Z4 GT3
Pilotos: a confirmar (#94)

Tudo indica que, após estudar várias possibilidades no horizonte, o time de Will Turner vai continuar com BMW na classe GTD em 2014. O modelo é que não será o mesmo: o M3 dará lugar ao Z4 na versão GT3, homologada e adaptada para o USCC. Será apenas um carro do fabricante bávaro na temporada inaugural do certame. Entre os pilotos, deverá estar Paul Dalla Lana, mas nada – até agora – foi confirmado.

Fall-Line Motorsports
Carro: Audi R8 LMS
Pilotos: Charlie Espenlaub/Charles Putman (#46)

A equipe com sede em Chicago estreou a meio da temporada da Rolex Sports Car Series neste ano e conseguiu progressos com o Audi R8 LMS. Vão permanecer nas pistas em 2014, disputando o USCC com um carro. Os pilotos serão Charlie Espenlaub e Charles Putman.

Paul Miller Racing
Carro: Audi R8 LMS
Pilotos: Bryce Miller e a confirmar (#48)

O time de Paul Miller sai da GTLM e vai para a GTD, por evidentes questões orçamentárias. Após vários anos como cliente Porsche, a escuderia muda para o Audi R8 LMS. Bryce Miller não deve perder a condição de piloto titular em 2014.

Mühlner Motorsport
Carro: Porsche 911 GT America
Pilotos: Kyle Marcelli/Randy Pobst (#18) e a confirmar (#19)

A escuderia de origem belga que montou um braço nos EUA vão alinhar dois Porsche 911 GT America no próximo ano, apesar da campanha medíocre na Rolex Sports Car Series neste ano. A primeira dupla foi confirmada: Kyle Marcelli terá a companhia do veterano Randy Pobst. O segundo carro poderá ser usado apenas nas provas do NAEC.

Level 5 Motorsports
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: Bill Sweedler/Townsend Bell e a confirmar

Scott Tucker confirmou também o envolvimento de sua escuderia no Tudor United SportsCar Championship na divisão GTD, alinhando pelo menos uma Ferrari F458 Italia. Ele contratou uma dupla já entrosada por dois anos correndo juntos na American Le Mans Series: Townsend Bell e Bill Sweedler. Jeff Segal também foi contratado, para disputar – talvez – as corridas longas e desempenhar o papel de piloto de desenvolvimento do carro do time. O próprio Scott Tucker pode também participar das etapas do NAEC.

AF Corse
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a confirmar

Desvinculada da associação com Michael Waltrip, a AF Corse pediu inscrição junto à IMSA de duas Ferrari F458 Italia para a classe GTD. Oportunamente, os pilotos serão anunciados e confirmados. Amato Ferrari diz ter o orçamento praticamente completo para disputar o USCC a tempo inteiro. Isto não significa que a equipe abandonará o compromisso com o FIA WEC, onde deverão continuar em 2014 com pelo menos quatro carros nas classes LMGTE e mais um protótipo LMP2.

Equipes a confirmar:

AIM Autosport
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a confirmar

Após ampliar o esquema para dois carros na última temporada da Rolex Sports Car Series na divisão GT, a AIM Autosport muda de novo o foco para concentrar esforços em um único carro para a temporada de 2014. Contudo, a participação do time canadense ainda é posta em dúvida. Nas próximas semanas, deve haver a confirmação da presença do time no USCC, bem como o possível anúncio dos pilotos titulares.

Equipes que vão disputar apenas o NAEC:

Snow Racing/Wright Motorsports/JDX Racing
Carro: Porsche 911 GT America
Pilotos: a confirmar (#58)

Jeremy Dale e Harrison Brix, sócios da JDX Racing, tinham intenção de disputar a temporada completa do USCC em 2014, mas já consideram a associação com a Snow Racing de Melanie e Madison Snow e também com a Wright Motorsports. Foi assim que o time apareceu no teste de pré-temporada em Daytona.

Konrad Motorsport
Carro: Porsche 911 GT America
Pilotos: a confirmar (#29)

Lá vem Franz Konrad novamente! O folclórico piloto e dono de equipe pretende competir pelo menos nas corridas mais longas do Tudor United SportsCar Championship com um Porsche 911 GT America. A equipe esteve presente nos testes recentes em Daytona com o próprio Konrad e também com Lance Willsey a bordo. Vamos ver se conseguirão reunir o budget necessário para a empreitada.

Extreme Speed Motorsports/SMP Racing
Carro: Ferrari F458 Italia
Pilotos: a confirmar (#72)

A equipe russa SMP Racing quer participar pelo menos das 24h de Daytona e para isso, Boris Rotemberg e seus pares estiveram na Flórida prospectando a associação com a Extreme Speed Motorsports para alinhar a Ferrari F458 Italia do time na abertura do Tudor United SportsCar Championship. Entre os prováveis pilotos estão Viktor Shaitar, Kyrill Ladygin e Mika Salo.

Silly season USCC 2014: equipes de protótipos (atualizado)

_RD49849

RIO DE JANEIRO – Passados os primeiros testes de pré-temporada do Tudor United SportsCar Championship em Sebring e Daytona, onde houve dois acidentes preocupantes para a IMSA e para o fabricante de pneus Continental, único fornecedor para os carros de praticamente todas as classes – exceto a GT Le Mans – o panorama de participação das equipes para a próxima temporada começa a se desenhar. Vamos então atualizar a situação dos inscritos e como estão distribuídas as formações para 2014.

Classe Prototypes

Equipes confirmadas:

Wayne Taylor Racing
Carro: Corvette DP
Pilotos: Jordan Taylor/Ricky Taylor (#10)

O time campeão da DP na última temporada da Grand-Am segue envolvido no novo certame USCC com um carro, o Corvette DP. Além da adaptação do protótipo ao regulamento técnico, a equipe tem uma novidade: a volta de Ricky Taylor para formar dupla ao lado do irmão Jordan. Max Angelelli só disputará as provas do North American Endurance Challenge (NAEC) com os filhos do proprietário do time.

Chip Ganassi Racing
Carro: Ford EcoBoost Riley DP
Pilotos: Scott Pruett/Memo Rojas Jr. (#01)

A equipe de Chip Ganassi Racing, maior vencedora da história da Rolex Sports Car Series, terá mudanças substanciais em 2014. O time deve anunciar um pacote técnico novo, vindo um protótipo Riley DP remodelado e com o novo motor Ford EcoBoost V6 Turbo. Será mantido o esquema com um protótipo a tempo inteiro para Scott Pruett e Memo Rojas Jr. e um segundo carro deve aparecer nas corridas longas do North American Endurance Challenge.

Spirit of Daytona Racing
Carro: Corvette DP
Pilotos: Richard Westbrook/Michael Valiante (#90)

Troy Flis confirmou a participação de sua escuderia com o Corvette DP atualizado para o novo regulamento e uma nova dupla de pilotos, formada por Richard Westbrook e Michael Valiante. Um terceiro nome será contratado para as corridas de maior duração do USCC.

Action Express Racing
Carro: Corvette DP
Pilotos: João Barbosa/Christian Fittipaldi (#5) e a confirmar (#9)

A Action Express deve voltar em 2014 no USCC, a princípio com dois Corvette DP. Mas não está descartada a possibilidade do time optar por um carro apenas a tempo inteiro e o segundo entrando nos eventos pré-selecionados do NAEC, com os irmãos Brian e Burt Frisselle a bordo. João Barbosa e Christian Fittipaldi formarão mais uma vez a dupla principal. Sébastien Bourdais assinou para competir as provas de Endurance.

Marsh Racing
Carro: Corvette DP
Pilotos: Eric Curran e Boris Said (#31)

Migraram da antiga divisão GT da Rolex Sports Car Series para os DPs da classe Prototypes do novo USCC, adquirindo um chassi Corvette DP (Coyote) da equipe Spirit of Daytona. O time de Ted Marsh terá Eric Curran e Boris Said a bordo, com um terceiro nome a ser definido para os eventos de longa duração do certame.

Extreme Speed Motorsports
Carro: HPD ARX-03b LMP2
Pilotos: Ryan Dalziel/Scott Sharp (#1) e Johannes van Overbeek/Ed Brown (#2)

Única equipe até aqui confirmada com protótipos LMP2, a ESM apresenta como novidade a contratação de Ryan Dalziel, que deixa de colaborar com a Starworks e a SRT Motorsports, como aconteceu neste ano. O escocês formará dupla com Scott Sharp no primeiro dos dois HPDs do time – que segue com o apoio da Tequila Patrón em 2014. Ed Brown e Johannes van Overbeek seguem no segundo carro. Três pilotos já assinaram para as corridas longas: o australiano David Brabham, o francês Simon Pagenaud e o veterano estadunidense Anthony Lazzaro.

Mike Shank Racing
Carro: Ford EcoBoost Riley DP
Pilotos: Oswaldo Negri/John Pew (#60)

A questão financeira definiu o futuro da Mike Shank Racing no novo certame USCC. A equipe optou por conter custos e vai com um carro apenas para a temporada 2014, dotado do novo motor Ford EcoBoost V6 Turbo, muito elogiado pelo brasileiro Oswaldo “Ozz” Negri, que permanece tendo como escudeiro o estadunidense John Pew. Outros nomes serão designados para as corridas de longa duração.

DeltaWing Racing Cars
Carro: DeltaWing DW13 Elan Coupé
Pilotos: Katherine Legge/Andy Meyrick (#0)

A equipe liderada por David Price já trabalha no DeltaWing equipado com os pneus Continental, obrigatórios pelo regulamento do USCC. O estranho carro, que ficou mais estranho ainda com a conformação Coupé, poderá ter mais de uma unidade nas pistas em 2014. Por enquanto, será um só – para Katherine Legge/Andy Meyrick.

SpeedSource Engineering
Carro: a definir, com motor Skyactiv-D
Pilotos: a definir

Em 2014, o Tudor United SportsCar Championship verá a volta da Mazda aos protótipos num esquema oficial atrelado à escuderia SpeedSource de Sylvain Tremblay. Serão dois chassis LMP2 – ainda não definidos – com motor Skyactiv-D 2,2 litros turbodiesel. O time não confirmou ainda os pilotos que farão parte da campanha do time no próximo ano.

Equipes a confirmar:

Conquest Endurance
Carro: a definir
Pilotos: a definir

Forçada a deixar as pistas em 2013 após competir com um Morgan LMP2 na ALMS durante o ano passado, a Conquest Racing do belga Eric Bachelart planeja seu regresso às pistas na próxima temporada. Têm como opções os chassis Oreca, Morgan ou Zytek para andar com um motor Nissan V8. Como “plano B”, a equipe poderá só aparecer nos eventos pré-selecionados do NAEC.

Pecom Racing
Carro: Oreca 03 Nissan LMP2
Pilotos: a definir

O time do argentino Luis Perez-Companc pode optar por disputar o USCC inteiro ou apenas as principais provas longas (Daytona, Sebring e Petit Le Mans) do NAEC. A decisão de trocar o WEC pelo certame estadunidense ainda não foi tomada.

8Star Motorsports
Carro: Corvette DP ou um protótipo LMP2 a definir
Pilotos: a definir

A escuderia do venezuelano Enzo Potolicchio deve rever seus esforços no USCC por questão de custos. O time estuda a possibilidade de se concentrar só na categoria PC ou então alinhar um carro apenas – e não dois – na divisão Prototypes, podendo ser um Corvette DP apenas ou um carro dentro do regulamento técnico LMP2. No teste em Daytona, a brasileira Bia Figueiredo conheceu o carro do time sediado em Pompano Beach, dividindo-o com o colombiano Gustavo Yacamán, com bom desempenho.

Starworks Motorsport
Carro: a definir
Pilotos: a definir

Outra escuderia cuja participação está em dúvida pela questão financeira e pelo custo alto de transformação dos atuais DPs dentro do novo Balance of Performance para o USCC, a Starworks de Peter Baron cogita a hipótese de executar o seu programa com um protótipo LMP2, de custo menos elevado. E não está descartada a passagem para os Oreca da classe PC, a tempo inteiro.

Dyson Racing
Carro: a definir
Pilotos: a definir

O time de Rob e Chris Dyson gostaria de efetuar uma associação com uma escuderia e competir no USCC com um protótipo LMP2. Por enquanto, tudo isso não passa de especulação e as dúvidas acerca da participação da equipe em 2014 continuam grandes.

Project Libra
Carro: Radical SR9 Ford Roush Yates
Pilotos: Robbie Kerr/Nicolas de Crem (#15)

Mais uma vez a perserverante equipe Project Libra reaparece para mais uma tentativa de oferecer um mínimo de competitividade ao chassi Radical SR9 construído na Inglaterra e montado com um motor Ford Yates V6 3,2 litros biturbo. O carro esteve presente aos testes em Sebring e Daytona, com resultados dentro das pífias expectativas de um conjunto até hoje fraco. Os pilotos foram Robbie Kerr e o belga Nicolas de Crem.

Delta-ADR
Carro: Oreca 03 Nissan LMP2
Pilotos: a confirmar

Após fechar um acordo com o fundo Millenium Development, do Oriente Médio, a Delta-ADR garantiu sua participação no WEC em 2014 com dois carros, além de apresentar um ambicioso plano de expansão de atividades, com a presença da equipe em algumas provas pré-selecionadas do Tudor United SportsCar Championship – alinhando, claro, um Oreca Nissan LMP2. Contudo, poderão correr somente em Daytona, na abertura do NAEC e da temporada completa, em parceria com a Action Express, dando suporte e pilotos para o Corvette DP #9 do time estadunidense. A conferir.

Equipes que vão disputar apenas o NAEC:

Gainsco/Bob Stallings Racing
Carro: Corvette DP
Pilotos: Alex Gurney/Jon Fogarty (#99)

Para tristeza dos fãs do “Red Dragon”,  o carro da Gainsco/Bob Stallings não participará de toda a temporada do USCC em 2014. A equipe decidiu por um calendário reduzido de provas, concentrando nas etapas do NAEC – Daytona, Sebring, Watkins Glen e Petit Le Mans. Considera-se a presença na corrida “caseira” do time de Bob Stallings em Austin, no Texas. Jon Fogarty e Alex Gurney estão confirmados ao volante do Corvette DP. Darren Law e Memo Gidley vão colaborar com o time, pelo menos na abertura do campeonato.

Highway To Help
Carro: BMW Dinan Riley DP
Pilotos: Jim Pace/Byron Defoor (#50)

A equipe apadrinhada pelo roqueiro Brian Johnson, vocalista da lendária banda AC/DC, deve aparecer pelo menos nas corridas do North American Endurance Challenge, com o suporte da Alegra Motorsports. Nos testes em Daytona, o carro foi visto com Jim Pace e Byron Defoor a bordo. Outros nomes devem participar na abertura do campeonato no fim de janeiro de 2014, caso a inscrição da Highway To Help, que lidera uma campanha de arrecadação de fundos para combater o Mal de Alzheimer, seja aceita.

OAK Racing
Carro: Morgan Nissan LMP2
Pilotos: a confirmar

O time francês capitaneado por Jacques Nicolet apresentou formalmente suas intenções em disputar as 24 Horas de Daytona e as 12 Horas de Sebring, pelo menos, com até dois protótipos Morgan Nissan LMP2. A situação logística do time, uma vez que os carros estão a caminho do Bahrein para a última prova do WEC, deve implicar na decisão de disputar – ou não – as primeiras corridas longas do ano. A IMSA também precisa dar seu aval para que a OAK Racing possa participar em Daytona e Sebring.

Greaves Motorsport
Carro: Zytek Z11SN Nissan LMP2
Pilotos: a definir

O time britânico capitaneado por Jacob Greaves estudava a possibilidade de ingressar no USCC em 2014 com um protótipo LMP2, o Zytek Z11SN com motor Nissan, mas os planos foram por água abaixo, pois os pilotos que cacifariam suas vagas no time não estão satisfeitos com o regulamento técnico do Tudor United SportsCar Championship. A equipe sequer disputará as 24h de Daytona e só será vista, se a IMSA permitir, em Sebring. Por enquanto…

Classe Prototype Challenge

Equipes confirmadas:

CORE Autosport
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: a confirmar (#05)

A escuderia de Jonathan Bennett deve dar continuidade ao seu projeto com os Prototype Challenge, tal qual fazia na ALMS, desta vez no USCC, com um único carro. O próprio Bennett candidata-se para ser um dos pilotos. Tom Kimber-Smith e Colin Braun estão cotados.

PR1/Mathiasen Motorsports
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: a confirmar (#52)

O time de Bobby Oergel tem planos de alinhar dois protótipos Oreca FLM09 no próximo ano, uma vez que após muito esforço, conseguiram adquirir um segundo chassi. Mas com um teto de 10 carros para esta classe em 2014, pode ser que tudo tenha sido em vão. Caso não tenham possibilidade de pôr dois bólidos na pista, permanecerão com um só no ano que vem.

BAR1 Motorsports
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: a confirmar

A BAR1 Motorsports vive a expectativa de tentar repetir em 2014 no USCC o bom desempenho alcançado neste ano na ALMS. O time chefiado por Brian Alder correu com dois carros na extinta LMPC na última temporada e teve ótimo desempenho, especialmente com o duo formado por Chris Cumming e Kyle Marcelli. Contudo, a escuderia já entrará no próximo ano desfalcada: Cumming fechou com a RSR Racing e Marcelli vai andar de Porsche, na Mühlner Motorsports America.

RSR Racing
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: Bruno Junqueira/Duncan Ende (#09) e Chris Cumming/Gustavo Menezes

A RSR Racing, de John e Paul Gentilozzi, confirmou que disputa a próxima temporada do Tudor United SportsCar Championship com dois carros. O brasileiro Bruno Junqueira está mantido ao lado de Duncan Ende e o francês Tristan Vautier, sem lugar – por enquanto – na Fórmula Indy, já assinou para as provas do NAEC. O segundo carro está praticamente certo para Chris Cumming e Gustavo Menezes – que apesar do nome bem tupiniquim é nascido em Coto de Caza, na Califórnia, tendo construído toda sua carreira de kartista e piloto de competição nos EUA. Neste ano, ele chegou em 4º lugar no Campeonato Alemão de Fórmula 3.

Performance Tech Motorsports
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: Charlie Shears/a confirmar (#38)

Após uma boa temporada em 2013, a Performance Tech Motorsports tem planos mais ambiciosos para o próximo ano no USCC. A escuderia chefiada por Brent O’Neill permanece com um único carro e apenas Charlie Shears está confirmado. Nos testes de pré-temporada, a equipe deu chance a Jon Brownson e trouxe de volta Jarrett Boon e o brasileiro Rafa Matos, bastante cotado para correr pelo menos nas 24h de Daytona por sua experiência no circuito e pelas boas relações que construiu com o time.

Muscle Milk Pickett Racing
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: Steven Doherty/Brian Heitkötter (#12)

A Muscle Milk Pickett Racing deu uma guinada radical em seus planos para 2014 e vai disputar o Tudor United SportsCar Championship – por enquanto – apenas na divisão Prototype Challenge, com um carro apenas. Brian Heitkötter e Steven Doherty foram os pilotos que treinaram em Sebring, mas podem haver mudanças na formação do time até antes do início do campeonato, em Daytona.

8Star Motorsports
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: Enzo Potolicchio/Sean Rayhall (#25)

Têm planos de fazer a temporada do USCC na divisão principal também, a exemplo da Prototype Challenge, porém se houver problema com relação a orçamento, a chance de concentrarem esforços na PC é bastante grande. Fizeram ótima estreia com o carro Oreca FLM09 na última corrida da ALMS, em Road Atlanta, com participação do brasileiro Oswaldo Negri. O jovem Sean Rayhall deve disputar todo o campeonato em 2014 ao lado do piloto-patrão Enzo Potolicchio.

Level 5 Motorsports
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: a confirmar

Scott Tucker tinha comprado três novos chassis Oreca FLM09 para regressar à classe onde sua escuderia começou as atividades na extinta American Le Mans Series. E mesmo cogitando entrar na LMP1 do WEC em 2014, o piloto-patrão confirmou a intenção de inscrever dois carros para o campeonato completo do Tudor United SportsCar Championship. A equipe entra na competição no próximo ano com o esquema “Customer Client”.

Equipes a confirmar:

Starworks Motorsport
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: Isaac Tutumlu/a definir (#7)

A exemplo da 8Star Motorsports, o time de Peter Baron ressente-se de restrições orçamentárias para definir onde concentrará esforços no USCC em 2014. Caso seja gorada a hipótese de envolvimento na divisão principal do certame, poderão investir pesado na PC. Estrearam com um carro desta divisão no COTA, em Austin, com bom desempenho. O espanhol de origem curda Isaac Tutumlu já é o primeiro piloto confirmado para o ano que vem.

JDC-Miller Motorsports
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: a definir

Oriunda das competições do certame Cooper IMSA Lites Prototype Championship e do estado de Minnesota, a JDC-Miller Motorsports tem planos de disputar a primeira temporada do Tudor United SportsCar Championship com um carro na classe PC. Deverão começar sua campanha no certame de 2014 apenas em março, nas 12 Horas de Sebring.

Woodard Racing Organisation
Carro: Oreca FLM09 Chevrolet
Pilotos: a definir

A escuderia britânica de Daniel Woodard tem pretensões de disputar a temporada completa do USCC com pelo menos um carro. Estão prospectando patrocinadores para fechar o orçamento e devem divulgar os planos de participação no certame muito em breve.

Mais um nome na Silly Season da Fórmula 1?

BY-EK_NCcAAhrY0RIO DE JANEIRO – Em carta datada de ontem, 12 de novembro e publicada hoje no seu twitter, o mexicano Sergio Pérez entrega – pelo tom de despedida no primeiro parágrafo e na última frase do texto – que está fora da McLaren na temporada 2014 do Mundial de Fórmula 1. A equipe britânica deve promover a estreia do jovem Kevin Magnussen, dispensando o possível patrocínio do grupo de Carlos Slim que iria a reboque da permanência do cucaracha ao lado de Jenson Button.

E com esta praticamente anunciada saída, o nome de Pérez é mais um que aparece entre os disponíveis, pondo mais fogo numa Silly Season que parecia fria – até a Toro Rosso contratar Daniil Kvyat. E a partir daí, com os rumores do substituto de Räikkönen na Lotus, a ida de Felipe Massa para a Williams e o anúncio de uma possível troca de pilotos na McLaren, o bicho pegou de vez.

Pérez tem seus fiéis apoiadores que podem lhe oferecer a possibilidade de permanecer na Fórmula 1 ou então migrar para o World Endurance Championship, categoria onde seu mentor Adrián Fernández esteve presente ano passado e hoje esteio de vários pilotos com passagem pela categoria máxima, feito Lucas Di Grassi, Bruno Senna, Kamui Kobayashi e, agora, Mark Webber. Por que ele, Pérez, não pode ser o próximo?